CBF se solidariza com famílias das vítimas e adia jogo da Copa Verde

Acidente aéreo matou seis pessoas, sendo quatro jogadores do Palmas

Publicado em .

Acidente aéreo matou seis pessoas, sendo quatro jogadores do Palmas

Rio de Janeiro, RJ, 24 (AFI) - A Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no início da tarde deste domingo, soltou uma nota oficial em que se solidariza com as famílias das vítimas no acidente aéreo que vitimou seis pessoas e confirmou o adiamento da partida entre Vila Nova e Palmas pelas oitavas de final da Copa Verde.

"Profundamente consternada, a CBF se solidariza com as famílias das vítimas do acidente de avião, que tirou a vida do presidente do Palmas Futebol e Regatas, Lucas Meira, dos jogadores do clube Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Marcus Molinari e Ranule, e do piloto, comandante Wagner, na manhã deste domingo (24). Nossos sentimentos também vão para todos os membros do clube e para a torcida do Palmas.

CBF adia jogo. (Foto: Divulgação)
CBF adia jogo. (Foto: Divulgação)
A CBF decretou que seja respeitado um minuto de silêncio nas partidas de hoje no futebol brasileiro.

A partida do Palmas diante do Vila Nova, válida pela Copa Verde, que seria realizada nesta segunda-feira (25) foi suspensa e será remarcada para data posterior
", diz a nota oficial da entidade nacional.

ACIDENTE!
O acidente matou Lucas Meira, empresário e presidente do Palmas, os atletas Lucas Praxedes, Guilherme Noé, Ranule e Marcus Molinari, e o comandante Wagner.

Todos viajavam para Goiânia, onde o Palmas enfrentaria o Vila Nova nesta segunda-feira pelas oitavas de final da Copa Verde.