COPA DO REI: Barcelona cai com gol nos acréscimos e escancara crise

O gol do atacante Iñaki Williams foi marcado aos 47 minutos do segundo tempo

por Agência Estado

São Paulo, SP, 06 - Todos os favoritos estão fora da semifinal da Copa do Rei. O último foi o Barcelona, derrotado, por 1 a 0, para o Athletic Bilbao, nesta quinta-feira, no Estádio San Mamés, na capital basca. O gol do atacante Iñaki Williams foi marcado aos 47 minutos do segundo tempo.

Poucas horas antes o também basco Real Sociedad eliminou o Real Madrid, em pleno Santiago Bernabéu, por 4 a 3. Os dois se juntam nas semifinais a Granada e Mirandês (da segunda divisão), que nunca conquistaram este título. O sorteio dos próximos duelos será nesta sexta-feira.

O Athletic Bilbao é o segundo maior vencedor da Copa do Rei, com 24 taças (Barcelona soma 30), à frente do Real Madrid, que tem 19.

MOMENTOS DISTINTOS
O primeiro tempo teve dois momentos distintos. Até os 25 minutos o domínio foi do time catalão, que ficou mais tempo com a posse de bola e viu Lionel Messi armar boas jogadas. O novato Ansu Fati teve duas oportunidades, mas falhou.

Messi lamenta a eliminação do Barcelona na Copa do Rei
Messi lamenta a eliminação do Barcelona na Copa do Rei
Os últimos 20 minutos da primeira etapa foram mais da equipe basca, que passou a marcar a saída de bola do Barcelona. O goleiro alemão Ter Stegen saiu jogando errado e a bola sobrou para Dani Garcia, que bateu para fora. Raul García também teve chance, mas cabeceou fraco.

JOGO TENSO
O segundo tempo foi ainda mais nervoso. As defesas prevaleceram. Messi, muito marcado, não tinha espaço para tentar nenhum drible. Aos 15 minutos, o goleiro Unai Simon falhou e deixou a bola na pequena área para Rakitic, que não aproveitou para abrir o placar.

Com a entrada do francês Griezmann, o Barcelona passou a concentrar suas jogadas pelo lado esquerdo. Mas foi o brasileiro Arthur, que entrou no lugar de Rakitic, aos 24 minutos, o responsável pelas melhores jogadas da partida pelo Barcelona.

MELHOROU, MAS...
O ex-jogador do Grêmio lançou Sergi Roberto na ponta-direita. O cruzamento encontrou Griezmann na corrida, mas o arremate do francês foi defendido por Unai Simon. Aos 42 minutos, mais uma vez, o volante deu grande passe para Messi, mas a finalização do craque parou na bela defesa de Simon.

O momento de maior explosão dos mais de 50 mil presentes ao estádio estava reservado para os 47 minutos, quando Iñaki Williams desviou cruzamento da direita para garantir a vitória do Bilbao de forma sensacional.