Série D: Arnaldo Lira parabeniza jogadores por objetivo atingido

O Sampaio Corrêa conseguiu se classificar à próxima fase da Série D

por Agência Futebol Interior

São Luís, MA, 23 (AFI) – “Fui contratado para classificar o Sampaio. E graças a Deus conseguimos concretizar o primeiro objetivo. Agora vamos partir para nova missão que é jogar contra o CSA-AL, no sistema mata-mata. Temos condições também de buscar a classificação e vamos atrás dela”, respondeu o técnico Arnaldo Lira aos repórteres que o entrevistaram logo depois da partida de ontem, na qual Sampaio e Guarany empataram por 2 a 2, pela Série D.

O treinador também respondeu sobre pergunta relacionada à substituição de Célio Codó. Um repórter quis saber por que ele tirou do jogo de ontem o atacante Célio Codó, que é considerado o “xodó” da torcida.

“Na minha visão, Codó, que é um excelente jogador, não estava mais correndo em campo e achei melhor substituí-lo. Um técnico não pode escalar o time para agradar a torcida, mas sim de acordo com a necessidade da equipe. Não existe essa de não poder substituir um atleta porque que ele é o preferido da torcida. É preciso levar em conta, o desempenho em campo. Como Codó não estava sendo mais o mesmo jogador do começo da partida, optei pela entrada de Wescley, que é um jogador rápido e de boa visão de gol”, justificou Arnaldo Lira.