Segundona: América perde no Teixeirão para o rival Bandeirante em jogo eletrizante

Bandeirante assume a vice-liderança do Grupo 2, com 11 pontos ganhos. O Rubro, cai para a terceiro, com 10

por Oscar Silva

São José do Rio Preto, SP, 12 (AFI) - A boa sequência do América, no Campeonato Paulista da Segunda Divisão, foi quebrada neste sábado, no revés diante do Bandeirante, 3 a 2, pela sexta rodada do Campeonato Paulista da Segunda Divisão. Derrotado em pleno Teixeirão.

Para o time americano assinalaram, Paraíba e Matheus Vinícius, enquanto Pedro Neto, duas vezes e Lucão, fizeram para o Leão, da Noroeste. Com o triunfo, o representante de Birigui, assume a vice-liderança do Grupo 2, com 11 pontos ganhos. O Rubro, cai para a terceira colocação com um ponto a menos na tabela.

NA FRENTE
Assim, que o árbitro apitou o início do jogo logo aos seis minutos o time visitante por pouco não inaugurou o placar. Pedro Neto, um dos destaques do embate, na cara do gol acertou um tirambaço para uma grande defesa do arqueiro Vinícius, que de mão trocada mandou a bola para escanteio.

Bandeirante fez 3 a 2 em cima do América dentro do Teixeirão
Bandeirante fez 3 a 2 em cima do América dentro do Teixeirão

Oito minutos depois, não teve jeito e os visitantes marcou em cobrança de penalidade através de Pedro Neto. O lance aconteceu depois do rebote no travessão e o zagueiro americano João Criciúma, meteu a mão na bola. O assistente bem colocado não teve dúvida em assinalar, 1 a 0, BEC. Além de marcar o pênalti, o jogador foi expulso.

Aos 18 minutos, o Mecão deixou tudo igual com Paraíba, que foi mais esperto e ganhou da zaga tocando com muita precisão. Melhor em campo, o Leão da Noroeste, no contra-ataque chegou ao segundo tento outra vez na cobrança de pênalti.

Lucão, foi derrubado dentro da área por Matheus Vinícius, novamente o assistente marcou e muito bem e o próprio Lucão, fez 2 a 1. Na sequência da primeira etapa, o Bandeirante teve o lateral Formiga, expulso direto em jogada violenta. Ainda deu tempo para o time visitante acertar a trave com o meia Sabino.

VICE-LÍDER
Na volta para o segundo tempo, aos quatro minutos quase o terceiro do Bandeirante. A bola beijou a trave do goleiro americano. Aos 8, Matheus Vinícius, deixou tudo igual, 2 a 2. Na sequência do jogo o América, criou duas ótimas situações para empatar e até mesmo virar o jogo, mas pecou nas finalizações.

No entanto, aos 27 minutos, em outro lance de pênalti, Pedro Neto, com muita categoria fez 3 a 2. Em busca de pelo menos o gol de empate, o time americano teve mais duas chances para marcar, mas foi barrado na defesa do arqueiro bandeirante e um bola que tirou tinta da trave. Final, 3 a 2, BEC, que assume a vice-liderança.

PRÓXIMOS JOGOS
Pela sétima rodada, o América volta a campo no próximo sábado, ás 17 horas, contra a Internacional, em Bebedouro, no Sócrates Stamato. Na sexta-feira, às 20h30,
o Bandeirante, recebe no Pedro Marin Berbel, a equipe do José Bonifácio.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA 2 X 3 BANDEIRANTE

Local: Estádio: Benedito Teixeira, em São José do Rio Preto
Árbitro: José de Araújo Ribeiro Júnior
Assistentes: Patrick André Bardauil e Ítalo Magno de Paula Andrade.
Gols: Paraíba, aos 18´/1T, Matheus Vinícius, aos 8´/2T(América); Pedro Neto, aos 14, Lucão, aos 38´/1T; Pedro Neto, aos 27/2T(Bandeirante)
Cartões Amarelos: Gustavo Barbosa, Matheus Vinícius(América); Formiga, Aprígio, Mateus Valentim(Bandeirante)
Cartões Vermelhos: João Criciúma(América); Formiga(Bandeirante)

América
Vinícius;
Caíque (Edson Tanque), Wanderson Bahia, João Criciúma e Kevin;
Danilo Costa(Lucão), Matheus, Guthere (Lucas Carioca) e Gustavo Barbosa;
Ivamar Júnior e Paraíba.
Técnico: Detto Pereira.

Bandeirante
Bruno;
Lucas Rã, Gustavo China, Lucas Andrade e Formiga;
Mykaell, Aprígio, Leno e Sabino (Matheus Valentim);
Pedro Neto (Juninho) e Lucão (Pedrinho).
Técnico: André Alves.