De volta após oito anos, Hemerson Maria ressalta gratidão ao Figueirense

Ex-atacante, o agora treinador começou a carreira de jogador justamente no time alvinegro

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 05 - Hemerson Maria foi apresentado na tarde desta quinta-feira como novo treinador do Figueirense, clube que deixou há cerca de oito anos, mas com o qual sempre manteve forte ligação. Em coletiva de imprensa, ele relembrou os momentos que viveu no Orlando Scarpelli e o quanto eles foram importantes para a sua carreira. Ex-atacante, o agora treinador começou a carreira de jogador justamente no time alvinegro.

Natural de Florianópolis, ele entrou nas categorias de base do clube ainda muito jovem, com apenas nove anos, e se profissionalizou em 1993. Apesar disso, encerrou a carreira dois anos depois, em 1995, antes de começar a trabalhar como técnico de times de base, primeiro no Guarani de Palhoça e então no próprio Figueirense, onde ficou de 2001 a 2010. Depois passou pelo rival Avaí e pelo Joinville, além de Red Bull Brasil, Fortaleza e Vila Nova. Hoje mais experiente, é grato ao clube que o revelou.

“Tinha grande desejo de voltar ao Figueriense. Passei infância e adolescência. Depois voltei com 29 anos e sai pronto para tocar minha vida profissional. Sou da Procasa, comunidade pobre e o Figueirense me deu formação como homem de caráter, e também como profissional da mais alta integridade moral. Não sou excepcional, mas o clube me ensinou a dar o melhor e buscar vencer”, afirmou o técnico.

Foto: Divulgação / Figueirense
Foto: Divulgação / Figueirense
DESAFIO
Agora em um novo cenário, Hemerson Maria chega com grande responsabilidade após uma temporada frustrante para os torcedores alvinegros. Apesar do título catarinense, o acesso na Série B não veio, muito por conta de uma forte crise financeira.

“Sou consciente do quadro e do esforço para resolver os problemas. É importante ter a situação financeira saneada para poder haver cobrança sobre o atleta. Trabalhador gosta de estar com situação em dia”, avaliou o comandante.

A estreia do novo treinador será no dia 17 de janeiro, quando o Figueirense encara o Criciúma no Heriberto Hülse, em jogo válido pela primeira rodada do Campeonato Catarinense.

 
 
" />