Técnico do Ceará fala sobre Jorge Jesus: "Aprendendo com ele"

Adilson Batista encheu a bola do treinador rubro-negro, que acabara de conquistar a Copa Libertadores

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 25 (AFI) - Jorge Jesus é a nova moda do futebol brasileiro. Técnico do Ceará, próximo adversário do clube rubro-negro no Campeonato Brasileiro, Adilson Batista foi só elogios ao português e parabenizou toda a equipe pelo título da Copa Libertadores da América. O duelo entre os dois será nesta quarta-feira, às 21h30, no Maracanã, pela 35ª rodada.

"Primeiro gostaria de parabenizar o Flamengo, pelo seu treinador, pelos seus jogadores. Flamengo representou o Brasil, era importante o Brasil vencer. Enaltecer o grande trabalho do Jorge Jesus.

Futebol bonito, convincente, com velocidade, compactação. Eu estou super feliz com o que estou vendo e aprendendo com o Jorge Jesus, mais do que merecido", disse Adilson Batista.

Vindo de um empate, por 1 a 1 diante do São Paulo, o Ceará trata a partida contra o Flamengo como uma 'final', já que o clube vem lutando contra o rebaixamento. O Vozão está na 15ª colocação.

Adilson Batista foi só elogios a Jorge Jesus - Bruno Aragão/CearaSC.com
Adilson Batista foi só elogios a Jorge Jesus

NOVIDADES
Com Luiz Otávio suspenso para a partida contra os cariocas, Brock pode surgir como opção no setor defensivo do Ceará, no Maracanã. Depois de cumprir suspensão automática por acúmulo de cartões amarelos, o zagueiro Eduardo Brock volta a estar à disposição do técnico Adílson Batista para a partida contra o Flamengo.

“Precisamos fazer um jogo bom, porque precisamos pontuar. É uma festa, mas só do outro lado. Se retornar para essa partida, vou dar meu máximo para a gente conseguir um resultado bom lá”, comentou o camisa 4 do Vozão.

VAI SER PEDREIRA
Mesmo com clima de comemoração para os anfitriões, o Ceará não terá vida fácil. É assim que o zagueiro encara a partida contra o Flamengo.

“A gente tem que esperar o melhor deles em campo. Temos que nos preocupar, principalmente, com o que precisamos fazer em campo. Acho que isso é o mais importante", completou.