Operário 2 x 1 Cuiabá - Oitavo jogo invicto em casa e na cola do G4 da Série B

O time paranaense manteve boa performance em casa, mas passou sufoco para segurar o bom time do Cuiabá

por Agência Futebol Interior

Ponta Grossa, PR, 7 (AFI) - O Operário completou oito jogos sem perder dentro do estádio Germano Krüger ao vencer o Cuiabá, por 2 a 1, neste sábado à tarde, pela 21.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O resultado inverteu as posições dos times que vieram ano passado da Série C na tabela de classificação. O paranaense aparece agora com 32 pontos, entre os primeiros colocados, em quinto lugar e podendo até fechar a rodada em quarto. E deixando os mato-grossenses com 31 pontos, em oitavo lugar.

VEJA AQUI OS MELHORES MOMENTOS E OS GOLS !

PROTOCOLO DIFERENTE
Além do protocolo cansativo, com execução do hino nacional e hino do Estado do Paraná, o destaque ficou para a homenagem do clube com a campanha ‘Operário é de Todos’, usando bandeirinhas diferentes no campo contra as minorias: homofobia, discriminação racial, portadores de necessidades físicas e a luta feminina pela igualdade.

O primeiro tempo começou na base do ‘jogo de estudos’. Mas, aos poucos, o Cuiabá passou a dominar as ações, tocando bem a bola e chegando com perigo no ataque. A melhor chance saiu aos 18 minutos, quando Rodolfo cobrou falta quase na linha da grande área e Rodrigo Viana saltou para espalmar.

Operário derrubou mais um visitante em Ponta Grossa
Operário derrubou mais um visitante em Ponta Grossa

CHANCE REAL E GOL
Mas na primeira chance real, o Operário abriu o placar. E, numa jogada ensaiada e diferente. O goleiro Rodrigo Viana fez gestos com as mãos e deu o chute para Maílton descer em velocidade.

Djvan errou o quique da bola, que ficou com Maílton. Ele passou pelo goleiro, teve calma para ajeitar a bola entre dois zagueiros e chutar para as redes.

Mesmo atrás no placar, o Cuiabá não se abateu e manteve seu bom toque de bola e chegando bem na frente. Aos 28 minutos, após uma falta em direção à área, Rodrigo Viana não segurou e sobra ficou Helder, que chutou cruzado. A bola cruzou toda a pequena área e saiu do outro lado.

No minuto seguinte, Rodolfo lançou Matheus Anderson nas costas da defesa, mas ele acabou bloqueado pela boa saída no chão de Rodrigo Viana.

Cuiabá sempre buscou o ataque
Cuiabá sempre buscou o ataque

PERTO DO EMPATE
No começo do segundo tempo, o Cuiabá chegou perto do empate. Após cruzamento de Paulinho, do outro lado Gilmar pegou de primeira e no alto, mandando a bola na trave direita de Rodrigo Viana, aos seis minutos.

O time da casa foi, de novo, cirúrgico. Após cabeçada forte de Rodrigo, o goleiro Victor Souza deu o rebote e Lucas Batatinha, na pequena área, bateu no alto, estudando as redes aos 11 minutos.

SEMPRE NO ATAQUE
O visitante não desistiu de atacar. Aos 22 minutos, Paulinho cobrou falta quase na linha da grande área e tirou tinta da trave direita do goleiro. Aos 32 minutos, Rodolfo ameaçou cruzar, mas chutou direto e exigiu que Rodrigo Viana se atirasse na bola. No lance ele se chocou com a trave e precisou ser atendido.

A pressão do Cuiabá intimidou o Operário, que preferiu reforçar a marcação, valorizar a troca de passes e manter a vantagem no placar. Mas passou sufoco no final.

CHANCE E GOL
Aos 44 minutos, após cruzamento na pequena área, a bola sobrou pra o complemento de Todinho, mas ele furou.

Não errou dois minutos depois, após cruzamento rasteiro de Matheus Anderson e que Todinho completou de perna esquerda e no alto, fazendo 2 a 1.

Os últimos quatro minutos foram de pressão do Cuiabá e apreensão da torcida nas arquibancadas.

PRÓXIMOS JOGOS
O Operário volta a campo na próxima sexta-feira, às 20h30, contra o Oeste na Arena Barueri. De outro lado, o Cuiabá vai buscar a reabilitação diante do Paraná, sábado, às 19 horas, em Curitiba.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
21ª rodada
Data
07/09/2019
Horário
16h30
Local
Germano Krüger - Ponta Grossa (PR)
Árbitro
Douglas Marques das Flores - SP

Renda
R$ 77.365,00
Assistentes
Anderson José de Moraes Coelho - SP e Daniel Paulo Ziolli - SP

Público
5.129 pagantes (5.675 total)
Cartões Amarelos
Operário-PR: Rodrigo, Peixoto
Cuiabá-MT: Escobar, Júnior Todinho

Gols
Operário-PR: Mailton 22' 1T, Lucas Batatinha 11' 2T
Cuiabá-MT: Júnior Todinho 46' 2T
Operário-PR
Rodrigo Viana;
Maílton (Danilo Baia), Alisson, Rodrigo e Peixoto;
Jardel, Índio e Marcelo;
Cleyton, Felipe Augusto (Cássio Ortega) e Lucas Batatinha (Schumacher).
Técnico: Gerson Gusmão
Cuiabá-MT
Victor Souza;
Hélder, Escobar, Anderson Conceição e Paulinho;
Djavan (Toty), Alê (Marino) e Rodolfo;
Matheus Anderson, Júnior Todinho e Gilmar (Escudero).
Técnico: Itamar Schülle