Valentim vê Avaí prejudicado e meia desabafa: "Essa m... de VAR"

O árbitro Anderson Daronco voltou atrás e marcou pênalti para o CSA após consultar o árbitro de vídeo

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 07 (AFI) - O Avaí deixou o gramado do Rei Pelé no último domingo reclamando demais do pênalti marcado pelo árbitro gaúcho Anderson Daronco que originou o segundo gol do CSA quando o jogo estava empatado em 1 a 1.

Apesar de ser favorável ao uso da tecnologia, o técnico Alberto Valentim disse que o VAR está sendo aplicado de forma equivocada em alguns lances, como aconteceu em Maceió.

Após ser chamado pelo árbitro de vídeo, Daronco deu pênalti de Léo em Ricardo Bueno. Jonatan Gómez cobrou bem e colocou o CSA novamente na frente aos 23 minutos do segundo tempo.

O técnico Alberto Valentim acredita que o Avaí foi prejudicado contra o CSA
O técnico Alberto Valentim acredita que o Avaí foi prejudicado contra o CSA
"Sou 100% a favor do VAR. Foi mostrado para a gente que a margem de erro diminuiu muito. Mas existem algumas situações... Como essa, onde todo mundo fala que não foi pênalti e as pessoas que estão trabalhando diretamente dizem que foi. Se tem quatro ou cinco pessoas para ver o lance, nem precisa chamar o Daronco. O VAR está aí para ajudar e não para atrapalhar", desabafou Valentim.

NA BRONCA

Diferente do treinador, que procurou manter a calma, o meia João Paulo não economizou nas críticas ao VAR em entrevista à Rádio CBN Diário: "Se for dar esse, tem que dar 50 por jogo. Não sei para que serve essa merda de VAR".

A terceira derrota seguida fez o Avaí estacionar nos 16 pontos, na penúltima colocação. Na quinta-feira, o time recebe o Vasco da Gama, na Ressacada, pela 24ª rodada do Brasileirão.