Série B: Com proposta do futebol carioca, Júlio Cirico está perto de deixar o Tupi

As conversas estão bem adiantadas, mas serão sacramentadas apenas após a última rodada do Brasileiro

por Agência Futebol Interior

Juiz de Fora, MG, 21 (AFI) - Rebaixado de forma antecipada para a Série C do Campeonato Brasileiro, o Tupi deve ficar sem treinador assim que encerrar sua participação na Série B, o que acontece nesta sexta-feira. Logo após a derrota para o Náutico, por 4 a 1, Júlio Cirico revelou ter em mãos uma proposta para ser auxiliar técnico da Cabofriense no Carioca de 2017.

Cirico foi indicado por Júnior Lopes, que assumiu a Cabofriense na semana passada e já iniciou o planejamento para a próxima temporada. Efetivado como treinador depois da demissão de Ricardinho, ele se mostrou propenso em aceitar a proposta do clube carioca, mas existe a possibilidade, apesar de pequena, de permanecer no Galo Carijó.

Júlio Cirico tem proposta para ser auxiliar técnico da Cabofriense no Carioca do ano que vem - Leonardo Costa/Tupi FC
Júlio Cirico tem proposta para ser auxiliar técnico da Cabofriense no Carioca do ano que vem
"Realmente existe uma proposta, um convite. Fico feliz pelo reconhecimento do Júnior Lopes, porque trabalhei pouco tempo com ele e quando você recebe esse tipo de convite é porque a pessoa tem confiança no seu trabalho. Tenho confiança que tenho um futuro promissor e condições de estar no mercado como treinador e auxiliar. É um processo e não posso queimar etapas", disse o treinador alvinegro.

Campeão da Série D de 2011 e com mais dois acessos no currículo - à Série C em 2013 e à Série B em 2015 -, Júlio Cirico não escondeu a ligação que tem com o Tupi e avisou que a decisão será tomada apenas após a última partida da Série B, diante do Paraná, nesta sexta-feira, em Curitiba.

"Eu devo tudo ao Tupi. Aqui eu comecei, tive minha primeira oportunidade profissional e todo mundo me deu muita força. Sempre joguei com transparência. Agora é deixar a adrenalina deste jogo contra o Náutico baixar, resolver algumas situações pendentes, pensar no Paraná e só depois ver o que deve ser feito", finalizou Cirico.

Dono da segunda pior campanha entre os 20 clubes da Série B, na frente apenas do lanterna Sampaio Corrêa, o Tupi somou 30 em 37 jogos e foi rebaixado há duas rodadas, quando perdeu para o Atlético-GO, por 5 a 3, fora de casa.