Nomes decisivos na classificação comandam Seleção FI da 6ª rodada da Copa Paulista

Ferroviária, São Caetano, Nacional e Bragantino garantiram classificação na última rodada e seus destaques marcaram presença na Seleção

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 17 (AFI) – Não faltou emoção na última rodada da 2ª fase da Copa Paulista e a Seleção FI chega repleta de nomes que chamaram a responsabilidade nesta rodada decisiva para ajudar seu time na classificação. A Seleção conta com nomes de equipes como Ferroviária, São Caetano, Nacional e Bragantino, que não titubearam e foram buscar a vaga nas quartas de final da última fase.

Um grande time começa com um grande goleiro e o paredão da Ferroviária Matheus não poderia ficar de fora. O goleiro foi decisivo na “final” contra o Catanduvense. Estilo “Daniel Alves”, os laterais da seleção são Alex Reinaldo, do Mirassol, e Bruno Recife, do São Caetano, que se destacaram pela atuação ofensiva na rodada. Na zaga, além do zagueiro artilheiro do Bragantino, Lucas Rocha, a Seleção conta com Rodrigo, que fechou tudo na defesa do XV.

A faixa de capitão da seleção fica com o volante Ewerton, do Comercial, que vive momento espetacular nesta Copa Paulista e manteve o nível na 6ª rodada. Além dele, os maestros Caíque, do Penapolense, e Moisés, do Rio Claro, brilharam na rodada e formam o meio campo. Autores de gols decisivos na rodada, o ataque é formado pelo trio Medina, do Rio Claro, Ingro, do Comercial e Tuco, do Nacional.

A Ferroviária terminou a segunda fase com o melhor retrospecto desde o começo da competição
A Ferroviária terminou a segunda fase com o melhor retrospecto desde o começo da competição
O treinador da Seleça é Alex Alves, que levou o Nacional à incrível vitória por 3 a 1 fora de casa contra o Red Bull Brasil no confronto direto pela vaga no Grupo 7 e levou o Naça às quartas de final.

A seleção da rodada do Portal Futebol Interior teve a participação de correspondentes e colaboradores espalhados pelo Interior como Oscar Silva (região de Rio Preto), Marcos Chiocchini (Rádio Cultura AM de Araraquara), Rovair Frias (São Carlos), Luis César Moralles (Votuporanga), Anderson Basso (Votuporanga), Leonardo Mendes (Rio Claro), Michel (Diadema) e Matheus Pezzotti (Rio Claro).

Confira a Seleção FI da 5ª rodada da segunda fase da Copa Paulista:
Matheus (Ferroviária);
Alex Reinaldo (Mirassol), Rodrigo (XV de Piracicaba), Lucas Rocha (Bragantino) e Bruno Recife (São Caetano);
Ewerton (Comercial), Caíque (Penapolense) e Moisés (Rio Claro);
Ingro (Comercial), Tuco (Nacional) e Medina (Rio Claro);
Técnico: Alex Alves (Nacional).

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Goleiro: Matheus (Ferroviária): O goleiro da Ferrinha conseguiu se manter invicto na partida mais importante do time nesta Copa Paulista. O jogo diante do Catanduvense foi de igual para igual e, quando os adversários chegaram ao ataque, Matheus realizou importantes defesas. Como se não bastasse, o goleiro ainda defendeu um pênalti, cobrado pelo lateral-direito Tales. Na reta final, a zaga da Ferroviária entregou o ouro para Fabinho, mas o goleiro Matheus salvou o time ao levar a melhor no mano a mano.

Lateral-direito: Alex Reinaldo (Mirassol): Com a classificação em jogo, o Mirassol viu o Rio Claro superior na partida, mas mesmo assim foi em busca do gol. O lateral Alex Reinaldo se destacou justamente nas jogadas ofensivas. Além de quase enganar o goleiro adversário em uma cobrança de falta, Alex apareceu bem na direita para apoiar o ataque mirassolense. Alex Reinaldo também acompanhou bem os ataques do Rio Claro pela direita e não se comprometeu.

Zagueiro: Rodrigo (XV de Piracicaba): Sem dúvidas um dos grandes responsáveis pela segunda vitória seguida e pelo XV de Piracicaba ter terminado na liderança do Grupo 5 da segunda fase da Copa Paulista, foi o zagueiro Rodrigo. O defensor fez sua parte no setor defensivo, sendo preciso nos desarmes e não deixando os atacantes do Água Santa chegar com perigo ao gol de Matheus Pasinato, tanto que seu time venceu por 1 a 0 e não levou gols. Além disso, ele assustou a defesa adversária quando foi ao ataque em jogadas de bola área.

O experiente lateral-esquerdo Bruno Recife foi um dos destaques dessa última rodada na vitória do Azulão
O experiente lateral-esquerdo Bruno Recife foi um dos destaques dessa última rodada na vitória do Azulão
Zagueiro: Lucas Rocha (Bragantino): Atento no jogo desde o primeiro minuto, o zagueiro Lucas Rocha se lançou ao ataque e fez, aos 2 minutos de jogo, o primeiro gol do jogo, que colocou o Bragantino no caminho da classificação. Lucas Rocha também se entendeu bem com Marcel na defesa para evitar que o Santos complicasse a ida do Braga às quartas de final.

Lateral-esquerdo: Bruno Recife (São Caetano): O lateral-esquerdo da Seleção FI dessa rodada não poderia ser outro, a não ser, Bruno Recife do São Caetano. O experiente defensor, foi o homem do vitória do Azulão sobre o São Paulo, que terminou com o placar de 2 a 0. Além de ter participado da jogada do primeiro gol, quando cruzou a bola na área Norton ir as redes, o lateral chutou uma bola na trave no segundo tempo e deu muito trabalho para a defesa adversária.

Volante: Ewerton (Comercial): Para muitos Ewerton não é o grande destaque só dessa última rodada da segunda fase, mas sim de toda a Copa Paulista. Nesse domingo, apesar do Comercial não ter mais chances de classificação, o volante fez mais grande apresentação nos estádios do interior paulista, na vitória do Bafo por 2 a 0 sobre a Votuporanguense. O volante além de ser preciso quando é acionado na defesa, também sabe muito bem sair ao ataque, chegando com muito perigo na maioria das vezes.

Volante: Caíque (Penapolense): Mesmo eliminado, o Penapolense conseguiu se despedir com vitória desta Copa Paulista. Comandado por Caíque no meio campo, o CAP tomou a iniciativa do jogo. No final do primeiro tempo, Caíque escorou e deixou Fio na cara do gol para abrir o marcador. Caíque ainda apareceu no segundo tempo para sacramentar a vitória sobre o São Carlos. O meia foi lançado e, mesmo sem ângulo, driblou o Wander e tocou para o fundo das redes.

Meia: Moisés (Rio Claro): O Rio Claro conseguiu dominar as ações durante quase toda a partida contra o Mirassol e muito disso se deu graças ao meia Moisés, principal articulador do Galo Azul no sábado. Bastante entrosado com o atacante Medina, Moisés deu ao menos três bons passes para o atacante e o gol saiu de uma deles. Uma bola longa de Moisés do campo de defesa deixou Medina na cara para marcar o gol. Moisés ainda quase marcou no primeiro tempo, mas o goleiro espalmou para fora.

Moisés foi um dos destaques dessa segunda fase e por isso mereceu estar na Seleção FI dessa última rodada
Moisés foi um dos destaques dessa segunda fase e por isso mereceu estar na Seleção FI dessa última rodada
Atacante: Ingro (Comercial): Apesar do Comercial ter entrado em campo apenas para cumprir tabela nessa última rodada, já que não tinha mais chances de classificação para as quartas de finais da Copa Paulista, o time conseguiu uma grande atuação e venceu o líder Votuporanguense, por 2 a 0. Um dos grandes destaques dessa partida, foi o atacante Ingro, que fez um dos gols do jogo. Aos 20 minutos do segundo tempo, após cochilo da zaga adversária, o atacante recebeu cruzamento e tocou na saída do goleiro, ampliando a vantagem e sacramentando a vitória para o time comercialino.

Atacante: Tuco (Nacional): Um dos grandes destaques da vitória do Nacional sobre o Red Bull, no último domingo, por 3 a 1, que levou o time da capital a ficar com a última das oito vagas nas quartas de finais da Copa Paulista, foi o atacante Tuco. O centroavante abriu caminho para a vitíoria do Naça ainda no primeiro tempo em um contra-ataque e depois disso deu trabalho a defesa adversária durante os noventa minutos.

Atacante: Medina (Rio Claro): Medina foi o principal perigo do Rio Claro no duelo contra o Mirassol. A primeira boa chance de gol do jogo foi dele. Medina recebeu boa bola de Moisés e tentou tirar do goleiro, mas mandou para fora. Ainda no primeiro tempo, Medina foi lançado, acreditou na jogada, ganhou do goleiro do Mirassol e saiu livro para marcar o gol da vitória. No 2º tempo, depois de novo bom passe de Moisés, Medina subiu sozinho para cabecear, mas o goleiro adversário fez a defesa.

Por levar o Nacional às quartas de finais, Alex Alves foi o escolhido para comandar a Seleção FI (Foto: Técio Nurnberg/Nacional FC)
Por levar o Nacional às quartas de finais, Alex Alves foi o escolhido para comandar a Seleção FI (Foto: Técio Nurnberg/Nacional FC)
Técnico: Alex Alves (Nacional): O técnico da seleção FI dessa última rodada da segunda fase de Copa Paulista, tinha que ser Alex Alves. O comandante levou o Nacional, que teve uma campanha mediana durante toda a competição às quartas de finais do torneio e chega com chances reais de levar o caneco. Nesse domingo, o técnico deu um nó tático no Red Bull e conseguiu vencer o jogo por 3 a 1, em pleno Moisés Lucarelli. O placar sacramentou a classificação do Naça ao mata-mata, já que os dois times disputavam a última vaga do Grupo 7.