Sobrevivente, Alan Ruschel responde bem após visita de familiares na Colômbia

A irmã do jogador postou nas redes sociais uma melhora do atleta, que não deve mais perder os movimentos

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 01 (AFI) - Um dos sobriventes da tragédia que culminou com a morte de 71 pessoas, sendo 19 jogadores da Chapecoense, o lateral Alan Ruschel mostrou uma melhora significativa nesta quinta-feira. Pelas redes sociais, sua irmã, Alissen Ruschel, mostrou que o atleta está respondendo aos estímulos de seus familiares. Pai, Flávio Ruschel, e a noiva, Marina Storchi, foram até a Colômbia para acompanhar o quadro de perto.

“Glórias ao bom Deus! Venho informar a todos que a minha cunhada, noiva do Alan, a Marina, e também meu pai, estão com o Alan no quarto, se comunicaram com ele, e ele está dando respostas! Estado de melhoras é visível! Agradecemos a todas as orações e peço que elas continuem, com certeza Deus está ouvindo cada pessoa que pede pela recuperação dos guerreiros que vivem e também clamam por força e conforto a família de todos os guerreiros que nos deixaram! Amém", disse a irmã de Alan.

Alan Ruschel é um dos sobreviventes à queda do avião
Alan Ruschel é um dos sobreviventes à queda do avião
Primeiro a ser resgatado dos destroços, o lateral corria risco de ficar paraplégico devido uma lesão na coluna. A possibilidade ainda não foi descartado pelos médicos, mas é considerada baixa, já que vem correspondendo bem ao tratamento. O jogador continua sedado e deve demorar alguns dias para conseguir a liberação.

Além de Alan, apenas mais dois jogadores continuam com vida. O goleiro Follmann precisou ter a perna amputada, mas segue sob os cuidados médicos. Já o zagueiro Neto teve um grande corte na cabeça, porém, é o que está em melhores condições.