Paulista
A1
A2
A3

Copa do Brasil 2013 terá clubes da Libertadores e terminará em novembro

A CBF anunciou mudanças para valorizar a competição e melhorar o nível técnico

Publicado na quinta-feira,
1 de dezembro de 2011

Rio de Janeiro, RJ, 01 (AFI) – A Copa do Brasil ganhará uma atenção especial a partir de 2013. O presidente da CBF, Ricardo Teixeira, confirmou, na manhã desta quinta-feira, no Rio de Janeiro, algumas modificações que têm como principal objetivo valorizar o torneio. Entre as principais alterações estão a participação de clubes que disputam a Libertadores, além a realização do torneio de março a novembro e não mais no primeiro semestre.

 Confira! 

O aumento no número de datas deve diminuir a maratona de jogos no primeiro semestre. Nos últimos anos, os principais clubes do país têm convivido com uma sequência desgastante de jogos entre janeiro e maio, principalmente aqueles que chegam à reta final de seus estaduais e da Copa do Brasil.

Além disso, a mudança no regulamento também vai valorizar a competição com a entrada dos melhores clubes do país. Isso passa pela “reintegração” dos clubes que disputam a Libertadores. O que evita episódios como o deste ano, quando o Corinthians foi eliminado na Pré-Libertadores e passou todo o primeiro semestre só disputando o Paulistão. Além disso, não pôde disputar a Sul-Americana deste ano, enquanto clubes que tiveram colocação pior no Brasileirão do ano passado puderam disputar o torneio.

A partir de 2013 os clubes que disputam a Libertadores entrarão nas oitavas-de-final da Copa BR, após o término do torneio continental. Soma-se a isso o fato de que todos os 40 clubes que disputam as Séries A e B também terão vaga garantida na competição nacional. Com essas adições, a Copa do Brasil deve ter um aumento de 64 para 86 times. Inicialmente, 80 clubes disputarão a competição em sete fases até sobrarem dez times. Estes dez classificados se juntarão aos seis da Libertadores. Caso só haja cinco brasileiros na Libertadores, o líder do ranking da CBF será convidado para disputar as oitavas.

Outro ponto importante é que o torneio também será parte do processo qualificatório para a Copa Sul-Americana. A fase nacional no torneio continental será extinta. A partir de 2013, serão quatro classificados. Os mais bem colocados do Brasileirão 2012, que forem eliminados na Copa do Brasil antes do início da Sul-Americana serão incluídos no torneio continental.

Copa Nordeste
Outra novidade para 2013 será a volta da disputa da Copa Nordeste. O torneio será disputado entre janeiro e março e contará com a participação de 16 clubes. Os participantes do torneio serão definidos de acordo com a classificação dos estaduais do ano anteriores.

Bahia e Pernambuco terão direito a três vagas. Na sequência, virão Ceará, Rio Grande do Norte, Alagoas, Paraíba e Sergipe, com duas vagas cada um. Com isso, os estaduais serão disputados em duas fases. O times que estiverem na Copa Nordeste só entrarão no estadual em uma segunda fase, a partir de março.

 
Agência Futebol Interior
 
Compartilhe


 Veja Mais 
Listar todas
Quem Somos
|
Fale Conosco
|
Expediente
|
Anuncie no FI
|
Política de Privacidade e Uso
|
Anunciantes
© Copyright 1999-20102 Futebol Interior - Todos os direitos reservados