Bolsonaro avalia participar da abertura da Copa América, diz dirigente da CBF

A Presidência da República costuma confirmar os compromissos de Bolsonaro a poucos dias da realização

por Agência Estado

São Paulo, SP, 06 - O comitê organizador local da Copa América recebeu sinalização positiva de que o presidente Jair Bolsonaro deve ir à cerimônia de abertura da competição continental no Estádio do Morumbi, em São Paulo. A partida inaugural é o jogo entre as seleções de futebol do Brasil e da Bolívia, no dia 14 de junho.

"O cerimonial está estudando e deu sinais de que é possível. Acho que ele gostaria de ir, mas não temos confirmação ainda", disse o secretário-geral da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Walter Feldman.

Bolsonaro avalia participar da abertura da Copa América, diz dirigente da CBF
Bolsonaro avalia participar da abertura da Copa América, diz dirigente da CBF
A Presidência da República costuma confirmar os compromissos de Bolsonaro a poucos dias da realização. O governo federal participa de ações de promoção do evento e também de segurança, entre outros. A Casa Civil coordena a interlocução com os organizadores do evento.

Na última quarta-feira, Bolsonaro assistiu à vitória da seleção brasileira por 2 a 0 sobre o Catar, em jogo amistoso em Brasília, no Estádio Nacional Mané Garrincha. A presença dele não foi notada pela maior parte dos 34.204 torcedores - o presidente não foi anunciado pela locução da arena, nem teve sua imagem exibida nos telões, o que é praxe em aberturas grandes eventos.

A CBF dirige o comitê organizador no País, por meio decisão da Confederação Sul-Americana de Futebol, a Conmebol.