Portuguesa 2 x 1 Guarani - Lusa escapa de vez do rebaixamento da Série A2

A Rádio Futebol Interior transmitiu o jogo com a excelência e qualidade de sempre

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 21 (AFI) - A Portuguesa espantou nesta quarta-feira de forma definitiva o fantasma do rebaixamento no Campeonato Paulista da Série A2. Jogando no Canindé, em São Paulo, o time de Allan Aal venceu o líder Guarani por 2 a 1, com dois golaços de Pereira e Fernandinho, e encerrou a sequência de dois jogos em vencer. O adversário de Campinas, que já entrou em campo classificado, depende de outros resultados desta 18ª rodada para manter a primeira posição.

Com 15 pontos, a Portuguesa dependia de uma vitória dentro de casa para escapar de vez de qualquer possibilidade de rebaixamento. O time também não tem chances de classificação e enfrenta o Sertãozinho no estádio Frederico Dalmaso apenas para fechar sua participação. Já o Guarani segue com 28 pontos e recebe o Votuporanguense no Brinco de Ouro, em Campinas, de olho na liderança. Os dois jogos estão marcados para o próximo sábado, às 15 horas.

A Rádio Futebol Interior transmitiu o jogo com a excelência e qualidade de sempre. A narração foi de Carlos Corsato, os comentários de Guina Paiva e as reportagens de Washington Mello.

TÁ QUENTE!

A partida começou quente em São Paulo e com apenas um minuto a Portuguesa já criou a primeira chance de perigo. Cesinha aproveitou uma sobra no bico da grande área, ajeitou o corpo e bateu de chapa, buscando o canto, para uma bela defesa do goleiro Bruno Brígido. A resposta do Guarani veio mais tarde, aos cinco minutos, em finalização de longe do meia Rondinelly, mas pela linha de fundo.

Em velocidade, Raul caiu pela direita, aproveitou um escorregão do lateral Salomão, dominou, puxou para o meio e tocou para Pereira na meia lua. O meia recebeu em meio a três marcadores do Guarani, ajeitou o corpo e bateu no cantinho do goleiro para abrir o placar aos 26 minutos. Atrás no placar, Umberto Louzer subiu a linha de marcação para apertar a saída de bola da Portuguesa, buscando uma reação ainda no primeiro tempo.

A tática surtiu efeito aos 35 minutos, quando Rondinelly acionou Bruno Nazário pelo meio. Ele arriscou de fora da área e a bola passou muito próxima a meta, mas foi pela linha de fundo. Até que aos 39 minutos o Guarani finalmente conseguiu encontrar o empate. Erik recebeu na frente, dominou uma bola difícil, girou em cima da marcação e bateu bonito, tirando do goleiro João Lopes. Ela ainda tocou na trave antes de entrar.

MORNO...

Pressionando, a Portuguesa quase voltou a ficar à frente ainda na reta final do primeiro tempo, duas vezes com o meia Pereira. Com 43, ele cobrou uma falta pela direita da intermediária e a bola explodiu na trave. Depois, aos 46, em uma conversão do outro lado, ele arriscou novamente contra o gol e exigiu a defesa do goleiro Bruno Brígido, que jogou pela linha de fundo. O Guarani saiu de campo sentindo a pressão do time da casa.

No segundo tempo o jogo caiu de ritmo. A Portuguesa passou trabalhar a posse de bola e o Guarani tinha dificuldade para encontrar espaço. Com 15 minutos, o time de Campinas encontrou o primeiro contra-ataque, mas Bruno Nazário tocou forte para Erik, que não alcançou. O time da casa também não vazou a marcação do adversário e precisou de uma cobrança de falta, aos 26 minutos, para marcar o segundo gol.

Fernando Lombardi derrubou Pereira pelo lado esquerdo, em falta frontal para o gol. Bruno Brígido colocou cinco companheiros e mais um jogador agachado atrás da barreira, já esperando uma cobrança surpresa. Mas tudo foi por terra quando Fernandinho jogou por baixo dos jogadores, no espaço exato deixado pelos adversários, surpreendendo o goleiro do Guarani. Na comemoração ele tirou a camisa e tomou cartão amarelo.

PRÓXIMOS JOGOS

Nos últimos minutos, o Guarani ficou um pouco mais com a bola, mas não conseguia agredir o goleiro João Lopes, que assistia passivamente o jogo debaixo das traves. Nos últimos minutos, a Portuguesa se soltou um pouco mais, até para diminuir o ânimo do adversário e garantir a vitória importante dentro do Canindé.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
14ª rodada
Data
21/03/2018
Horário
19h30
Local
Canindé - São Paulo (SP)
Árbitro
Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza

Assistentes
Eduardo Vequi Marciano e Osvaldo Apipe de Medeiros Filho

Cartões Amarelos
Portuguesa: Cesinha, Fernandinho, Carlinhos
Guarani: Salomão

Gols
Portuguesa: Pereira 26' 1T, Fernandinho 26' 2T
Guarani: Erik 39' 1T
Portuguesa
João Lopes;
Carlinhos, Gabriel Santos, Marcos Vinícius e Cesar;
Jonatas Paulista, Vinicius Martins, Vinicius Barba e Pereira (Vilares);
Raul (Fernandinho) e Cesinha (Franklin).
Técnico: Alan Aal
Guarani
Bruno Brígido;
Lenon, Philipe Maia, Fernando Lombardi e Salomão
Baraka, Ricardinho (Denner), Bruno Nazário, Rondinelly (Fumagalli) e Erik;
Bruno Mendes (Pedro Bortoluzo).
Técnico: Umberto Louzer
 
 
" />