Especial Interior: Pandemia causa estrago e Mirassol perde força

O time vinha fazendo boa campanha e está com a classificação encaminhada às quartas de final

por Agência Futebol Interior

Mirassol, SP, 28 (AFI) - A pandemia do novo coronavírus fez um estrago no Mirassol e o torcedor vai ver um time bastante diferente quando a bola voltar a rolar no Campeonato Paulista.

A boa campanha realizada até então, com a classificação encaminhada às quartas de final, despertou o interesse de muitos clubes em seus jogadores. Inclusive do próprio futebol paulista.

A Ponte Preta, por exemplo, contratou três jogadores que eram titulares absolutos no Mirassol: o lateral-esquerdo Ernandes, o volante Neto Moura e o meia Camilo, artilheiro do time com cinco gols.

Chico (à esquerda) e Neto Moura não estão mais no elenco
Chico (à esquerda) e Neto Moura não estão mais no elenco
Em relação ao elenco que vinha disputando o Paulistão, o Mirassol manteve apenas sete jogadores: Kewim, Daniel Borges, Matheus Rocha, Renie, Wellington, Maicon Souza, Eduardo Junior e Bruno Mota.

Para o presidente Edson Ermenegildo, “a pandemia tirou a nossa força, que era a força do conjunto. Tanto que já tínhamos evitado a queda para a Série A2”.

Já pensando na Série D do Campeonato Brasileiro, a diretoria do Leão da Araraquarense contratou dois jogadores: o lateral-direito Danilo Boza (ex-Athletico-PR) e o zagueiro Wellington Silva (ex-Oliveirense-POR).

MAIS SOBRE O TIME
Não houve redução de salários ao longo da pandemia. Todos os salários foram pagos integralmente conforme contrato.

Pronto para voltar a trabalhar, o Leão tomou algumas medidas como o isolamento dos jogadores, cozinheiro especial e até mesmo a criação, em pleno CT, de uma "praia" para realizar futevôlei.

O clube do interior, vice-líder do Grupo C com 16 pontos, já realizou testes de COVID-19 e todos deram negativo. O retorno dos treinos acontecerá em 1.º de julho, conforme autorização do governo do Estado de São Paulo.

Para confirmar a classificação, o Mirassol encara o Água Santa, fora de casa, e encerra a primeira fase contra a Ponte Preta, em casa.