ESPECIAL: Com acesso na 33ª rodada, Bragantino deixa campanhas de gigantes para trás

Atlético-MG, Corinthians, Vasco da Gama, Palmeiras e Internacional já disputaram o torneio desde 2006, data do início do atual formato

por Caio Alves

Bragança Paulista, SP, 06 (AFI) - O Bragantino está de volta à Série A do Campeonato Brasileiro, competição que não participa desde 1998. E o feito não foi conquistado de qualquer maneira, pois o Massa Bruta chegou ao objetivo com cinco rodadas de antecedência. A campanha se compara a gigantes do futebol brasileiro.

O Portal Futebol Interior fez um levantamento com todos os grandes clubes que já participaram da Série B a partir de 2006, ano em que passou a ser disputada por 20 clubes e com quatro vagas à Série A. Os times foram Atlético-MG (2006), Corinthians (2008), Vasco da Gama (2009, 2014 e 2016), Palmeiras (2013) e Internacional (2017).

Corinthians e Palmeiras dividem o posto dos gigantes brasileiros que mais cedo retornaram à elite, conquistando o acesso na 32ª rodada. Com isso, o Bragantino já aparece em terceiro, pois subiu na 33ª. É seguido pelo Vasco, que voltou à Série A na 34ª rodada em 2019. Atlético-MG e Inter conseguiram na 36ª. Nas outras duas participações, o Gigante da Colina subiu na 37ª, em 2014, e na 38ª, em 2016.

Veja a lista no comparativo do Bragantino com os gigantes:

32ª rodada - Corinthians (2008)
32ª rodada - Palmeiras (2013)
33ª rodada - Bragantino (2019)
36ª rodada - Atlético-MG (2006)
36ª rodada - Internacional (2017)
37ª rodada - Vasco (2014)
38ª rodada - Vasco (2016)

CORINTHIANS E PALMEIRAS

Após o doloroso rebaixamento do Corinthians, algo inédito até então na história do clube, o Timão dominou a Série B e voltou à elite na 32ª rodada, com vitória por 2 a 0 diante do Ceará, no Pacaembu, com gols de Douglas e Chicão. Naquele ano, o time paulista se sagrou campeão e terminou com 85 pontos na edição que também contou com acessos de Avaí, Grêmio Barueri e Santo André.

Em 2013, o Palmeiras se viu novamente na Série B, que já tinha disputado em 2003, mas com outro formato. O acesso na segunda passagem também foi na 32ª rodada, quando empatou sem gols com o São Caetano no Pacaembu. A equipe alviverde se sagrou campeã com 79 pontos. Chapecoense, Figueirense e Sport foram os outros que subiram naquele ano.

VASCO DE 2009

Assim como Corinthians, esta foi a primeira vez na história que o Vasco participou da segunda divisão. O time foi superior durante toda a temporada e voltou à elite na 34ª rodada com vitória por 2 a 1 diante do Juventude, com 81.904 torcedores no Maracanã, maior publico da história da Série B. Os gols foram marcados por Adriano e Carlos Alberto. O Cruzmaltino ergueu a taça com 76 pontos, seguido por Guarani, Ceará e Atlético-GO.

GALO E COLORADO

Em 2006, o Atlético-MG retornou à Série A em jogo emocionante contra o Coritiba no Couto Pereira, pela 36ª rodada. Após sair perdendo de 2 a 0, virou com gols de Marinho, duas vezes, e Marcinho. O Galo foi campeão com 71 pontos subiu junto com Sport, Náutico e América-RN.

Em 2017, o Internacional foi à Arena Barueri e empatou sem gols com o Oeste pela 36ª rodada, garantindo seu retorno. O Colorado, porém, não foi campeão, terminando na vice-liderança com 71 pontos, atrás de América-MG e seguido por Ceará e Paraná.

VASCO DE 2014 E 2016

As outras duas participações do Vasco na Série B não foi das melhores. Em 2014, o time voltou à elite na 37ª e penúltima rodada com empate por 1 a 1 com o Icasa no Maracanã, com gol de Kléber. O time carioca terminou em terceiro lugar com 63 pontos, atrás de Joinville e Ponte Preta e na frente do Avaí.

Em 2016, o Vasco foi ainda pior, voltando à elite apenas na última rodada. Venceu o Ceará de virada, por 2 a 1, com dois gols de Thalles no Maracanã. Ficou novamente em terceiro lugar com 65 pontos, atrás de Atlético-GO e Avaí e na frente do Bahia.