Com Douglas, Bahia promete 'concentração' e 'agressividade' em jogo decisivo

Com exceção da mudança no gol, a ideia é que o técnico Dado Cavalcanti mantenha o time que empatou com o Atlético-MG

por Agência Estado

Salvador, BA, 20 - Sem vencer há quatro jogos, o Bahia terá uma decisão contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro neste sábado diante do Fortaleza, às 21 horas, no Castelão, pela 37.ª e penúltima rodada. A boa notícia é a volta do goleiro Douglas Friedrich, recuperado do corte no rosto que sofreu em dividida com Leandro Castán, do Vasco.

Ele volta a ser titular na vaga de Mateus Claus, com um edema na coxa. Thiago, Alesson e Ramon também ficam à disposição após se recuperarem da covid-19. O lateral João Pedro, por outro lado, fica fora por ter contraído o coronavírus.

Bahia terá retornos para encerrar jejum de quatro jogos sem vitória
Bahia terá retornos para encerrar jejum de quatro jogos sem vitória
Com exceção da mudança no gol, a ideia é que o técnico Dado Cavalcanti mantenha o time que empatou, por 1 a 1, com o Atlético-MG. O resultado deixou o Bahia no 16.º lugar com 38 pontos, a um da zona de rebaixamento e a três do Fortaleza, 15.º colocado.

"Deve ser mantido, esse é o espírito. Não acho que deva ter faltado em outros jogos com resultados ruins. Mas ficou muito claro o nível de superação da equipe diante de tantas adversidades. Jogadores não totalmente prontos, foram para o pau. A equipe foi muito aguerrida. A expectativa é manter esse nível de concentração e agressividade", disse o comandante.