Série B: No último dia de inscrições, zagueiro é regularizado no Paraná após 2 meses

Com isso, enfim Fabrício poderá fazer a sua estreia com a camisa do time paranaense no duelo desta terça-feira contra o Operário-PR

Publicado em .

Com isso, enfim Fabrício poderá fazer a sua estreia com a camisa do time paranaense no duelo desta terça-feira contra o Operário-PR

Curitiba, PR, 08 (AFI) - No dia do duelo contra o Operário-PR, que pode colocar a equipe de vez na briga pelo G4 do Campeonato Brasileiro da Série B, o Paraná acordou nesta terça-feira (08) com uma boa notícia. Isso porque após praticamente dois meses de espera, o nome do zagueiro Fabrício foi publicado no BID da CBF e enfim ele poderá estrear com a camisa do time paranaense.

Todo esse imbróglio aconteceu porque Fabrício tinha dois anos de contrato com o Veracruz-MEX. Porém por falta de pagamento, o jogador ficou apenas seis meses no clube, que ainda propôs um acordo, que não foi aceito pelos representantes do atleta. Posteriormente, os advogados do zagueiro entraram com uma ação na FIFA para enfim conseguir realizar a transferência.

Fabrício tem registro liberado pela FIFA e é regularizado pelo Paraná (Foto: Rui Santos)
Fabrício tem registro liberado pela FIFA e é regularizado pelo Paraná (Foto: Rui Santos)
O nome de Fabrício foi um dos últimos a serem regularizados antes do fechamento da janela de transferência da Série B, que fechou na noite desta segunda-feira. Em condições de jogo, o zagueiro deve brigar por posição no time do técnico Matheus Costa com Leandro Almeida, Rodolfo - titulares no momento - e Eduardo Bauermann, que vem sendo o reserva imediato.

“Vamos focar nesta Série B. Temos 12 decisões pela frente. O time está num processo de evolução e em um bom momento da competição, quando realmente se define quem tem condições de subir”, disse o jogador.

SEGUNDA PASSAGEM
O zagueiro foi revelado na base do Flamengo e depois disso rodou por diversos clubes do Brasil, como: Athletico, Palmeiras, Cruzeiro, Vasco, Vitória, Fluminense, entre outros. Essa será a segunda passagem de Fabrício pela Vila Capanema, onde já jogou em 2008. Ele fez questão de frisar que vive um momento bastante diferente na carreira.

“Agora, encontro o clube reestruturado e em um novo momento. Foi complicado esperar todo esse tempo, mas agora vou buscar meu espaço e ajudar o time nesta reta final da competição”, destacou Fabrício. “Já estou vivendo intensamente o clube e sei do nosso potencial para buscar esse acesso”, frisou.