Opinião Sérgio Carvalho: Dorival Júnior não soube perder!

por Agência Futebol Interior

Em minha opinião, desculpa de mau perdedor. Mesmo porque, ninguém pode discutir os méritos do Verdão nesta vitória. Seu time teve raça, determinação, técnica. Não se intimidou diante das firulas adversárias nem das provocações. Jogou com raiva, correu atrás do prejuízo e atingiu seu objetivo. Nada a contestar.

Agora virou moda. Perdeu, o árbitro é culpado. E a primeira acusação vem sempre do técnico, que não admite ter errado e nem quer culpar seus comandados. Quem mais culpa árbitros é Mano Menezes, do Corinthians. Mas Dorival Junior (foto), técnico do Santos, aproveitou a deixa e resolver colocar todo o peso da derrota do Santos diante do Palmeiras em cima da arbitragem.

Leia ainda:
Superstição? Clube do Brasileirão não utiliza a camisa 9

Errado está Dorival Junior. Não existe nenhum projeto que vise desacreditar o Santos. Lógico que, depois que a garotada entrosou e passou a jogar um grande futebol, a marcação passou a ser mais dura, e, as vezes, até mais violentas. Nos primeiros vinte e cinco minutos do clássico entre Santos e Palmeiras, o árbitro já havia marcado quatorze faltas contra o time da capital paulista. Ou seja: ele não deu moleza. Marcou as faltas que considerou anormais.



Se vacilou em uma ou outra jogada, como em duas entradas mais duras de Pierre, não se pode culpá-lo ao ponto de considerá-lo responsável pela derrota santista. Ao contrário. Sua arbitragem no geral foi boa e a vitória verde foi justa. O resto é resto e pura desculpa de quem não sabe perder.CURTAS

*VERDADE é a seguinte. Se Dorival sair por esse caminho, vai acabar influenciando seus jovens jogadores. Eles vão culpar sempre o árbitro e até se desentender com ele, ao invés de reagir jogando bola. Assim, nada melhor do que reconhecer a vitória adversária.

*IMAGINAR que o Santos era um time imbatível, era muita pretensão de diretores e do técnico do clube. Um dia o Peixão ia perder. Bom que isso aconteceu agora, quando o time já está praticamente classificado para as semifinais e diante de um rival tradicional.

*E NÃO se diga que o Santos não jogou bola. Ao contrário. Seus garotos mostraram boa parte do que sabem e dominaram o início da partida quando fizeram dois gols. Depois o Palmeiras equilibrou e a partida ficou emocionante até o apito final do árbitro.

*ENTRE os maiores destaques santistas, cito o lateral Pará, que fez um lindo gol e o meia Ganso (melhor do time). Em compensação, o goleiro engoliu dois frangaços e Robinho (foto) foi uma grande decepção. Não armou, não chutou e não criou.

*O PALMEIRAS teve em Diego Souza seu grande mestre. Ele jogou com raiva, com muita vontade de vencer. Fez um gol e participou de outros dois. Pierre, apesar de um pouco violento, foi ótimo na marcação. Robert foi o herói com três lindos gols.

*COM essa surpreendente vitória (antes do jogo qualquer um apostaria em vitória santista), o Palmeiras mostrou que tem jeito. Seu problema é que, depois de vitórias fantásticas com as diante do São Paulo e do Santos, perde para um Arapiraca da vida. Pode?

*JÁ DISSE que não acredito em Antonio Carlos como técnico. Mas uma coisa devo reconhecer. Ele tem conseguido tirar de seus jogadores muito mais do que Murici Ramalho conseguiu tirar. Numa dessas pode até surpreender na reta final do campeonato.

*DIRETORIA palmeirense parece que aprendeu. Depois de contratações equivocadas, começa a acertar na mosca. Esse Lincoln que chegou por aí, é muito bom de bola. E dizem que vem mais um centroavante da Europa. Só falta a gente descobrir o nome.

*COM esses reforços, vai dar tempo de armar um bom time para as disputas da Copa do Brasil. Quando essa competição chegar a sua fase decisiva, o Verdão pode estar bem armado e em condições de brigar pelo título. Luz no fim do tunel para a torcida verde.

*LUIZ Gonzaga Belluzzo, presidente do Palmeiras, grande decepção como dirigente esportivo, não teve coragem ainda de demitir o tal de Gilberto Cipullo, péssimo diretor de futebol do clube. Ideal é que ambos pedissem demissão e deixassem o clube em paz.

*SÃO PAULO continua a jogar mal. Até ganha jogos, mas não convence. E olha que Juvenal Juvêncio, presidente do clube, se esmerou em contratar reforços. Trouxe quase um time novo. Problema é que o time não deslancha. Será culpa do técnico?

*CHEGO a acreditar que sim. Que o maior culpado é o técnico Ricardo Gomes. Com os jogadores que ele tem, qualquer técnico de certa competência conseguiria montar uma grande equipe. Gomes, ao contrário, fala, fala, treina, treina e não resolve nada.

*TRICOLOR tem dois laterais que já funcionaram como excelentes alas: Cicinho e Junior César. Só que, no esquema armado por Gomes, esses jogadores quase não passam do meio campo. Só marcam. Algo está errado. Será que Gomes não enxerga esse erro?

*NO SANTOS, Rodrigo Souto e Cleber Santana jogavam uma barbaridade. Nas mãos de Gomes não jogam quase nada. Por quê? Marcelinho Paraíba fez um grande campeonato pelo Coritiba. No São Paulo está apagado. Não estaria sendo mal aproveitado?

*NA ZAGA, Tricolor tem dois dos melhores zagueiros do País, Alex Silva e Miranda (foto). Além disso, tem Xandão, que não perde bola aérea e André Luiz, que é experiente e sabe marcar duro. Ainda assim, a defesa não passa segurança. Por que será, hein?

*OU SEJA: ninguém pode dizer que o São Paulo não tem elenco. Mas pode dizer que seus jogadores tem sido mal aproveitados. Isso só pode ser influência negativa do treinador, que não arma um esquema que possa aproveitar as caracteristicas de cada um.

*E MAIS. Esse time do São Paulo não vibra. Quando o gol sai, poucos correm para comemorar. Cada um procura fazer a sua da forma mais burocrática possivel. Por isso, Juvenal Juvencio disse outro dia que o São Paulo vence, mas não convence. Concordo.

*ESSE problema tem se prolongado e ninguém cobra o treinador. Ou cobra? Ele diz que as coisas vão melhorar, mas não melhoram. Numa dessas, o time pode perder o Paulistão e a Libertadores, mesmo tendo um grande elenco. E daí, o que fazer?

*FOSSE dirigente tricolor e começaria a pensar logo em trocar o treinador. Poderiam conversar com Ricardo Gomes e alertá-lo: dê padrão de time e faça-o jogar bola ou, em mais duas semanas, você está fora. Se ele reagir, bem. Caso contrário, está fora.

*CORINTHIANS venceu um grande adversário no domingo passado. O Santo André é, depois do Santos, o melhor time do Paulista. Vencê-lo dá mérito para quem o faz. O Timão só jogou vinte minutos mas mereceu a vitória. O Santo André só valorizou o jogo.

*NESTA partida Roberto Carlos fez seu primeiro gol pelo Corinthians. Um golaço. Justificou o investimento. Dúvida é saber se ele vai manter o ritmo ou vai voltar ao ostracismo. Vamos aguardar. Em compensação, Ronaldo Gorducho tropeço na banha.

*HÁ GENTE que vai alegar que saiu dos pés de Ronaldo os passes para os dois gols. Ah, tudo bem, mas passes como aqueles, são dados à todo momento por jogadores bem menos famosos, como Tcheco, Danilo, Elias e Jorge Henrique. Ou não é verdade?

*MINHA cobrança é que Ronaldo ganha um milhão de quatrocentos mil por mes, é o único que recebe em dia e, além disso, quando o clube conseguiu o último patrocinador, ficou com 10 milhões de reais de comissão. Não era para ele render bem mais?

*NO INICIO do ano, Ronaldo disse que marcaria 35 gols nesta temporada. Já chegamos em Março e até agora ele só fez um. Está cada vez mais gordo e com menos agilidade. Perde bolas fáceis e gols incríveis. Será mesmo que ele merece ser titular?

*QUEM só analisa pelo nome vai dizer que Mano Menezes jamais vai tirar o Gordão do time. Afinal, é um jogador de enorme prestígio que intimida o adversário. Não acho. Acho é que ele é peso morto e um verdadeiro sangue-suga de seus companheiros.

*ACRESCENTO ainda que nome não ganha jogo. Ganha quem rala, quem tem agilidade, técnica e visão de jogo. Dentinho está aí para provar isso. Marcou em todos os últimos jogos do Corinthians. Tem sido muito mais util do que Ronaldo. Ou estou errado?

*OUTRO dia Casagrande disse na TV Globo que o Corinthians estava jogando com dez, porque Ronaldo nada fazia. Uma grande verdade. É o que ele tem sido nos últimos jogos. Problema é que seu fã clube exagera em tudo o que ele faz. Até os críticos.

*ASSIM, quando Ronaldo faz um gol de canela, dizem que foi magistral. Outro dia, driblou tres adversários e caiu na frente de tão cansado. Ninguem falou que lhe faltou pernas. Apenas elogiaram a jogada que a garotada do Santos tem feito com mais talento.

*É POR essas e outras que não tenho medo de afirmar: Ronaldo, em matéria de Seleção Brasileira, está morto. Dunga não vai convocá-lo. Como não vai convocar Roberto Carlos e, muito menos, Ronaldinho Gaúcho. Os 23 da Copa já estão escolhidos.

*AINDA sobre o Ronaldinho. Ele tem jogado um grande futebol no Milan. Tem desequilibrado. Mas diante do Manchester, quando o Milan mais precisou dele, desapareceu em campo. Como ocorreu naquele jogo contra a França em 2006, na Alemanha. Lembram?

*DIANTE disso, devo reconhecer que Dunga está certo em não levar Ronaldinho para a Copa. Mesmo porque, além de afinar em jogos decisivos ele parece ter enveredado pelo caminho errado das baladas e da bebida. Nem Leonardo tem conseguido domá-lo.

*OUTRO que está na marca do pênalti é Adriano. Ele vive entrando em encrencas. Também é vidrado numa bebida. Só o Flamengo para suportar seus deslizes sem qualquer tipo de reação. Não se surpreendam se, também ele, foi riscado da lista de Dunga.

*CARLOS Alberto Parreira está no Brasil com a Seleção da Africa do Sul. Ele tem se dedicado na missão de montar um bom time para o anfitrião da Copa. Mas esqueçam. Não há jogadores de qualidade na Africa. Seu time não passa da primeira fase da Copa.

*E O CIRQUE de Soleil, hein? Armou a lona, montou o palco e, na hora do vamos ver, quem deu show de garra e competência foi o time do Palmeiras. O Santos foi obrigado a aceitar porque não teve forças para reagir. Vitória para lavar a alma palmeirense.

*QUE DECEPÇÃO, o Guarani, de Campinas, hein? O que aconteceu? O time não é ótimo, mas também não é de se jogar fora. Mas as derrotas vieram e neste momento há até ameaça de rebaixamento. Onde é que o Vadão errou? Ou foi a diretoria do clube?

*A PONTE também não tem mostrado um futebol de qualidade. Até consegue alguns bons resultados, mas não encanta. Acho que para o segundo semestre, os dois clubes precisam contratar e reformular seus elencos. Do jeito que está não da para continuar.

*SANTOS, Santo André, São Paulo e Corinthians estão no G-4. Os dois primeiros, acredito, já tem vaga certa nas semifinais. O Tricolor está perto. O Corinthians também. A preocupá-los, o bom time do Botafogo, de Ribeirão. Lusa e Verdão correm atrás.

*GOSTEI dessa onda criada pelos jogadores do Santos de treinar uma coreografia diferente para cada gol marcado. O Palmeiras foi atrás e promete criar coisa diferente. Que os demais sigam a moda. O futebol fica mais bonito. O torcedor se diverte muito.

*RENDAS do Paulista tem sido uma decepção. Público, nem se fala. Parece que esse negócio de campeonatos estaduais está mesmo saindo de moda. Torcedores querem mesmo é Brasileirão ou mesmo a Copa do Brasil. Libertadores é o sonho maior.