Neto Baiano retorna ao Vitória com objetivo de ser o maior artilheiro do clube

Com 85 gols, o atacante é o oitavo maior artilheiro do clube e persegue Juvenal, com 150

por Agência Futebol Interior

Salvador, BA, 07 (AFI) - Devidamente (re) apresentado, Neto Baiano falou pela primeira vez como jogador do Vitória, na sua quarta passagem pelo clube. Artilheiro do Barradão, com 53 gols, o centroavante declarou amor ao Leão e garante ainda poder estabelecer outra meta na história no clube. Com faro de gol apurado, Neto quer ser o maior artilheiro na história do Rubro-Negro.

“Meta de gols? Tenho 85 gols no clube, o cara que tem mais gol no Vitória é 150. Vou procurar chegar, quem sabe? Quero chegar aos 150. Quero ser o maior artilheiro do Vitória. É um sonho meu, espero um dia conseguir”, resumiu Neto Baiano.

BOLAS NAS REDES
Como o próprio artilheiro disse, são 85 bolas na rede vestindo a camisa vermelha e preta. Na tabela de artilharia, Neto está em oitavo, atrás de Ramon Menezes (88 gols), Didico (89), André Catimba (90), Sena (109), Osni (111), Siri (132) e Juvenal (150).

Com 143 jogos pelo Vitória, Neto Baiano chega com contrato até o fim da Copa do Nordeste, com possibilidade de renovação. Para ele, o suficiente para mostrar serviço.


“Quando uso essa camisa, me sinto feliz. Não tem pressão. Pressão é para quem não tem confiança. Tenho confiança em mim e sei que vou conseguir dar a resposta para a diretoria para renovar meu contrato.

Se não tivesse condição, jamais viria para o Vitória, jamais viria roubar o Vitória. Vim pra cá para desafiar a mim mesmo. Vim para ajudar o clube que eu amo”, completa Neto.

 
 
" />