Atibaia 1 x 1 Desportivo Brasil - Expulsões, gol anulado e bom futebol. Teve de tudo!

O resultado foi melhor para o Desportivo, que jogou com um a menos durante a parte final do jogo

por Agência Futebol Interior

Indaiatuba, SP, 04 (AFI) - Em jogo movimentado, com direito a gol anulado e expulsão de técnico, Atibaia e Desportivo Brasil terminaram empatados por 1 a 1 na manhã deste sábado, pela segunda rodada do Campeonato Paulista Série A3. O resultado foi melhor para o Desportivo, que jogou com um a menos durante a parte final do jogo. Apesar de o Falcão ter o mando de campo, a partida foi em campo neutro, já que o time está fazendo seus jogos em Indaiatuba, no Ítalo Mário Limongi.

Organizado pela Federação Paulista de Futebol (FPF), a competição tem cobertura completa e exclusiva pelo Portal Futebol Interior. Os jogos podem ser acompanhados online pelo PLACAR AO VIVO, como também pelo aplicativo - App -Placar FI- tanto no Google Play como App Store.

CONFIRA COBERTURA COMPLETA DO PAULISTA A3!

Com o empate, o Atibaia soma seu primeiro ponto na competição, ocupando a 11ª posição. Já o Desportivo Brasil chega a quatro pontos e assume provisoriamente a liderança, já que essa foi a partida de abertura da rodada.

O JOGO
Mesmo estando longe de seus domínios, o Desportivo Brasil buscou desde o começo o gol. Camisa 10 do time, Pio sempre levava perigo ao time adversário quando tinha a posse de bola. Aos 23 minutos, por exemplo, o jogador recebeu perto da grande área e chutou forte. A bola desviou e o goleiro Carlão fez o famoso 'golpe de vista'.

Quatro minutos depois, Pio levou perigo novamente. Desta vez, o maestro deu um passe por cavadinha, achando Anderson na parte esquerda da grande área. O jogador chutou de primeira, mas o goleiro do Atibaia, Carlão, fez excelente defesa.

DESPORTIVO DOMINA
Com muitos escanteios e sempre chegando com perigo, o Desportivo dominou a primeira etapa. O destaque do Atibaia foi o goleiro Carlão, que fez importantes defesas. Perto do fim, o Atibaia demonstrou uma melhora, trocando bons passes entre o meio campo e a grande área, mas não conseguia furar a zaga.

De tanto tentar, o Desportivo chegou ao gol aos 38 minutos. Felipe Merlo recebeu no meio e deu uma passe primoroso para Vinícius Cabelo. O atacante de 22 anos, que pertence ao Santo André, ficou na cara do gol e não perdoou, tocando na saída do goleiro. Essa nem Carlão salvou.

Ainda deu tempo para mais um lance na partida. O Atibaia não se deixou abater pelo gol e chegou pela primeira vez com perigo ao gol de Gilberto. Robson chutou rasteiro no cantinho, mas o goleiro defendeu, no que resultou em um escanteio para o Falcão.

Em jogo movimentado, com direito a gol anulado e expulsão de técnico, Atibaia e Desportivo Brasil terminaram empatados por 1 a 1 pelo Campeonato Paulista Série A3 - Foto: Divulgação/Desportivo Brasil
Em jogo movimentado, com direito a gol anulado e expulsão de técnico, Atibaia e Desportivo Brasil terminaram empatados por 1 a 1 pelo Campeonato Paulista Série A3

OUTRA POSTURA NA ETAPA FINAL
Na volta do intervalo, os técnicos Sandro Sargentim e Odirlei Maurer optaram por não fazer alterações nas escalações. Na postura em campo, porém, mudou muito, principalmente no Atibaia. Após melhorar no fim do primeiro tempo, o Falcão voltou com tudo e finalizou antes mesmo do primeiro minuto.

Vendo a melhora do adversário, Odirlei chamou Alef para entrar no Desportivo Brasil. Bom jogador, deu maior movimentação ao time. Em jogada individual, aos 10 minutos, chegou na grande área e optou por chutar ao invés de tocar na pequena área. O goleiro Carlão, mais uma vez, defendeu, e Alef teve que ouvir reclamações de seus companheiros.

O ditado é velho, mas sempre dá certo no futebol: "Quem não faz, toma". Aos 13 minutos, o árbitro assinala pênalti para o Atibaia. Na cobrança, Reginaldo bate no canto esquerdo do goleiro, no alto, e empata a partida. Fato curioso é que o jogador completou 35 anos neste sábado e se presenteou.

POLÊMICA E EXPULSÕES
E o Atibaia não parava, pressionando o Desportivo, em jogo totalmente diferente do primeiro tempo. Aos 23 minutos, um lance muito polêmico ocorreu. Após cobrança de falta, Alef não desistiu da jogada e mandou pra rede. O juiz validou o gol, mas voltou atrás, após conversar com seu assistente.

Após a confusão, o jogo esquentou muito e, por reclamação, o técnico Odirlei Maurer foi expulso. Pouco depois, o jogador do Desportivo, Luiz Henrique, recebeu o segundo amarelo e também foi expulso. Felipe Merlo, do Desportivo e Nando, do Atibaia, foram advertidos com cartões amarelos.

Com um a mais em campo e com o adversário visivelmente abalado, o Atibaia seguiu com o seu jogo em busca da virada. Gilberto, porém, fazia boas defesas quando exigido e manteve o placar até o final.

PRÓXIMOS JOGOS
Na terceira rodada, o Atibaia volta a campo para enfrentar o Paulista. O jogo será na próxima quarta-feira, às 19h30, no estádio Dr. Jaime Pinheiro de Ulhoa Cintra, em Jundiaí. Já o Desportivo encara o Noroeste, um pouco mais cedo, às 16 horas, em Porto Feliz.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
2ª rodada
Data
04/02/2017
Horário
10h00
Local
Estádio Ítalo Mário Limongi - Indaiatuba (SP)
Árbitro
Alysson Fernandes Matias

Assistentes
Wellington Bragantim Caetano e Jony Shin Iti Kamakura

Cartões Amarelos
Atibaia: Gilsinho, Nando, Eltinho
Desportivo Brasil: Deda, Luiz Henrique, Luis Guilherme, Luiz Henrique, Merlo

Cartões Vermelhos
Desportivo Brasil: Luiz Henrique
Gols
Atibaia: Reginaldo 13' 2T
Desportivo Brasil: Cabelo 38' 1T
Atibaia
Carlão,
Nando, Bruno Leandro, Gabriel, Eder Silva;
Franklin (Eltinho), Gilsinho Robson e Reginaldo (Samuca);
Léo Lima e Robinho
Técnico: Sandro Sargentim
Desportivo Brasil
Gilberto;
Glauco, Anderson Luis (Wendel), Luis Guilherme e Caio César;
Deda, Merlo, Pio (Meneghel) e Luiz Henrique;
Vinícius Cabelo (Alef) e Júlio César
Técnico: Odirlei Maurer