Nacional x Sertãozinho – Naça tenta embalar após primeira vitória

Triunfo da rodada passada levantou o Naça na tabela, mas a situação ainda não é a ideal, na décima colocação

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 12 (AFI) - Após conquistar a primeira vitória na Série A2 ao bater São Bernardo por 1 a 0, no Nicolau Alayon, o Nacional tem mais um compromisso em casa para concretizar o momento de reação. Desta vez, o adversário será o Sertãozinho, em jogo marcado para as 16 horas desta quarta-feira, pela sétima rodada.

O triunfo da rodada passada levantou o Naça na tabela, mas a situação ainda não é a ideal, na décima colocação, com seis pontos. O Sertãozinho, por sua vez, ainda vive o drama de não ter vencido no estadual, com apenas dois pontos somados, na lanterna.

Os dois times se enfrentam no ano passado, também pela Série A2, mas no Frederico Dalmaso, e o Sertãozinho levou a melhor com uma vitória por 2 a 0. Magrão e Leleco marcaram os gols do triunfo sertanezino.

Foto: Ale Vianna / Nacional
Foto: Ale Vianna / Nacional
OS TIMES
Apesar da vitória ainda não ter vindo, o Sertãozinho evoluiu com a chegada de Serrão, que teve dois empates em dois jogos. Antes, o time havia perdido quatro jogos sob o comando de Cléber Gaúcho. Se desfalques, Serrão pode apostar na continuidade e repetir a escalação utilizada no empate por 1 a 1 com o XV na rodada passada.

Do lado do Nacional, o técnico Jorginho não vai contar com Gabriel Santos, que entrou no segundo tempo contra o São Bernardo e recebeu o terceiro amarelo. A tendência é que o treinador repita a escalação.“Temos conversado com eles e os atletas estão tentando corrigir. Esse é o maior lance, para que a equipe melhore e consiga uma melhor colocação na competição”, avaliou Jorginho sobre o trabalho realizado até o momento

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
7ª rodada
Data
13/02/2019
Horário
16h00
Local
Nicolau Alayon - São Paulo (SP)
Árbitro
Danilo da Silva

Renda
R$ 2.420,00
Assistentes
Ricardo Luis Buzzi e Thiago Henrique Almeida Alborghetti

Público
205 pagantes
Cartões Amarelos
Nacional: Josué
Sertãozinho: Nandinho

Gols
Nacional: Danilo Negueba 2' 2T, Josué 16' 2T, Michel Thuíque 26' 2T
Sertãozinho: Maycon 22' 1T, Bruno Maia 31' 1T, Alex Gonçalves 43' 2T
Nacional
Maurício;
Danilo Negueba, Jeferson, Everton Dias e Felipe Pernambucano;
Bruno Sabino, Everton Tchê, Emerson Mi (Patrik) e Matheus Lú;
Michael Thuíque (Hebert) e Josué (De Paula).
Técnico: Jorginho
Sertãozinho
João Guilherme;
Jessé, Lucas Oliveira, Bruno Maia e Cesinha;
Felipe Recife, Mateus Cancian e Diego Luís (Sandro);
Maycon (Alex Gonçalves), Tom e Élder Santana (Nandinho).
Técnico: José Carlos Serrão
 
 
" />