Série D: Lateral artilheiro desponta como principal revelação do Mirassol em 2020

Vinicius Baraciolli marcou o primeiro gol na vitória por 3 a 2 sobre a Aparecidense e abriu caminho para o acesso

por Agência Futebol Interior

Mirassol, SP, 12 (AFI) - "2020 vai ficar pra sempre na minha memória", é dessa forma que Vinicius Baraciolli, lateral-direito do Mirassol, define a temporada de 2020. Um dos principais jogadores da equipe no último ano, o jogador esteve presente na histórica campanha do Paulistão, atuou em 19 das 20 partidas da equipe na Série D e ainda marcou um gol no jogo do acesso contra a Aparecidense.

Com muita opinião, com objetivos definidos e bem articulado, para um garoto de 20 anos, Vinicius contou que 2020 foi um ano de amadurecimento e crescimento profissional.

"Foi um ano muito difícil por conta de tudo que passamos, mas particularmente, foi um ano de crescimento e amadurecimento. Eu entendi de verdade o que o futebol pode proporcionar a um atleta. São momentos que o dinheiro não compra", explicou.

O defensor relembrou toda a trajetória vivenciada até o acesso. Vinicius iniciou a temporada no Sub-20 do Mirassol e pode terminar a temporada como um dos principais nomes do elenco profissional.

"Fui capitão do time da Copa São Paulo, no time que chegou as oitavas de final, pude subir para o time profissional, participar da melhor campanha da história do clube, consegui atuar pela equipe no Brasileiro, e vivenciar tudo isso é motivo de muita satisfação para mim"

Muito dessas conquistas pessoas passam pela mentalidade vencedora do atleta, o lateral fez questão de demonstrar saber aonde quer chegar e todo o esforço que faz para realizar os sonhos e as metas traçadas.

"Tenho muito claro na minha cabeça onde quero chegar. Sempre dei meu máximo em todas minhas atividades profissionais, sempre mantive o meu foco, porque sei que é dessa forma que vou conseguir chegar ao meu sonho. Que na realidade não é um sonho só meu, é de toda minha família, por isso que me dedico tanto"

Objetivo esses, que são compartilhados e traçados dentro de campo também, Vinicius revelou conselhos do técnico Eduardo Baptista que surtiram efeito no jogo decisivo: "Nada acontece por acaso. Eu sempre tive isso muito claro na minha cabeça, e acredito que não foi coincidência o gol contra a Aparecidense. Eu trabalhei pra isso, me preparei. O Eduardo Baptista sempre me pede pra estar próximo a área, pra chegar na bola cruzada, e estava na hora certa e no lugar certo, porque estava preparado para isso".

Por fim, o lateral projetou a sequência da Série D e reforçou o pensamento do clube em buscar o título:"Temos pela frente a semifinal, queremos buscar o título, sabemos que foi bom chegar até aqui, conquistar o acesso, mas queremos mais", finalizou.