Segundona: Treinador do Itapirense comemora vaga nas oitavas e fala sobre favoritismo

O técnico Oliveira falou da classificação do seu time para a próxima fase

por Oscar Silva

Itapira, SP, 19 (AFI) - Favorecido com o empate 1 a 1, no duelo entre Flamengo e Amparo e fazendo a lição de casa derrotando o Guarulhos por 2 a 0, com os gols assinalados através de Alex Júnior e Kaíki, o Itapirense, sob o comando do técnico Oliveira, conseguiu a sua passagem para as oitavas de final do Campeonato Paulista da Segunda Divisão Sub 23.

Na outra fase no sistema mata a mata, a Vermelhinha vai encarar pela frente um dos grandes favoritos a uma vaga para a Série A3, o São José que fez grandes investimentos em busca do acesso.

NO MATA A MATA

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O técnico Oliveira falou da passagem do seu time para a próxima fase.

"Foi uma classificação muito difícil, primeiro pelo equilíbrio do nosso grupo que na minha opinião foi o mais difícil da competição e segundo que assumi a equipe em último lugar na chave e conquistamos a classificação."

"Agradeço a Deus em primeiro lugar e principalmente pelo espírito de luta do grupo de atletas que foram valentes, determinados dentro de campo e comprometidos com o clube", continuou Oliveira sob seu comando com seis jogos, três vitórias, dois empates e uma derrota.

ÁGUIA FAVORITO

"Agora, no mata-mata, nós sabíamos que ia pegar um adversário lá de cima e vamos encarar o São José grande favorito e não tem nem como falar o contrário. A própria campanha já diz ao terminar com melhor time no geral e eles fizeram grandes investimentos. O favoritismo é deles e a gente espera com maior respeito fazer dois jogos bons de 180 minutos."

"O primeiro em Itapira e o segundo em São José dos Campos. Volto a repetir, o São José é o grande favorito, mas vamos lutar e quem sabe surpreender o adversário. O futebol sempre reserva uma caixinha de surpresa e tomara que isso vem acontecer", finalizou Oliveira.

OS HERÓIS

No triunfo diante do Guarulhos disputado no estádio Municipal Coronel Francisco Vieira, a Vermelhina venceu com a seguinte formação: Agenor; Yan, Betão, Kennerson e Nestor(Eric); Coutinho(Jhuan), Cocão e Alex Júnior; Gaucho, Danilo(Bill) e Kaíki.

Apitou o duelo, José de Araújo Ribeiro Júnior que foi auxiliado por Thiago Henrique Almeida Alborghetti e Matheus Guilherme Biselli da Cruz.