Clube da Série B anuncia contratação do técnico Pintado

O experiente treinador estava na Ferroviária-SP e deve chegar ainda hoje no Serra Dourada

por Agência Futebol Interior

Goias, GO, 26 (AFI) - O Goiás anunciou nesta segunda-feira a contratação do experiente técnico Pintado. O treinador está vindo de uma passagem curta pelo Ferroviária-SP e deve chegar ao Serra Dourada até o final do dia.

O Goiás estava atrás de um treinador que conhece bem a Série B do Brasileiro e Pintado se encaixa nesse perfil. Na temporada passada, ele conquistou o acesso à elite com o Juventude. Nas últimas semanas, o clube goiano já tinha feito contato para contar com o treinador.

"Pintado não é mais o técnico da Ferroviária. O treinador pediu demissão no início da tarde desta segunda-feira (26) e deixa o comando da equipe principal masculina. Ao lado de Pintado, se desligaram do clube o auxiliar Dino Camargo e o preparador físico José Mário Campeiz. A Ferroviária agradece os serviços prestados pelos profissionais", comunicou a Ferroviária.

Pintado deixa a Ferroviária após oito jogos, sendo três vitórias, dois empates e três derrotas. Com 11 pontos, briga rodada a rodada com a Ponte Preta pela última vaga do Grupo B às quartas de final, uma vez que o São Paulo já está garantido.

Pintado estava na Ferroviária-SP - Foto: Divulgação / Ferroviária
Pintado estava na Ferroviária-SP - Foto: Divulgação / Ferroviária
SOBRE ELE
Luís Carlos de Oliveira Preto, mais conhecido como Pintado, tem 55 anos e é natural de Bragança Paulista.

Revelado no Bragantino, atuou como volante por vários clubes, como São Paulo (campeão mundial) Santos, Atlético-MG, Portuguesa, Cruz Azul-MEX e Cerezo Osaka-JAP, entre outros.

CAMPEÃO MUNDIAL
No entanto, como jogador, seu melhor momento foi no São Paulo, clube que defendeu em duas oportunidades. No Tricolor, Pintado foi bicampeão da Copa Libertadores (92 e 93) e conquistou o Mundial de Clubes (92).

Depois de pendurar as chuteiras, Pintado iniciou a carreira de treinador na Internacional de Limeira em 2004 e passou por clubes como Noroeste, Paraná, São Caetano, Náutico, Figueirense, Mirassol, Ponte Preta, CRB, América-RN e Guarani, além de ter comandado o São Paulo de forma interina em algumas oportunidades.