Paulista A3: EC São Bernardo anuncia técnico campeão da divisão com o Nacional

"O investimento será feito em busca do acesso. Estamos sendo criteriosos para montar um elenco pontual", diz Tuca Guimarães

por Agência Futebol Interior

São Bernardo do Campo, SP, 08 (AFI) - O EC São Bernardo segue se reforçando para a disputa da Série A3 do Campeonato Paulista na próxima temporada. Dessa vez, o novo nome é para o banco de reservas e chega com um histórico de peso. Trata-se do treinador Tuca Guimarães, campeão da competição no ano passado com o Nacional.

Já possuir um título da A3 em seu currículo, inclusive, foi o que motivou sua contratação pela equipe da Grande São Paulo. Além da passagem de sucesso pelo Nacional, Tuca já treinou outros tradicionais times do estado, como o Marília, Atlético Sorocaba, Portuguesa e até mesmo o Figueirense.

"A princípio, o que me atraiu nesse projeto foram as perspectivas e planejamento do projeto. O EC São Bernardo pensa grande e está se organizando muito. Estarei em um grande centro e envolto por pessoas sérias. Esses foram os pilares que me fizeram aceitar esse desafio de colocar o clube na Série A2 do Campeonato Paulista", disse Guimarães, antes de completar:
"Sem dúvida que o investimento será feito em busca do acesso. Estamos sendo criteriosos para montar um elenco pontual em relação a conquistas. Queremos jogadores com experiência e juventude para ter força para um torneio de tiro curto".

Segundo o vice-presidente do São Bernardo, Gigio Saretto, a chegada do treinador, inclusive, pode servir como fator de motivação e atração para novos reforços. A apresentação do elenco para a competição está marcada para o início de novembro, e a esperança é a de trazer grandes nomes para a A3.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
"O Tuca acreditou no nosso projeto, que tem como pensamento único o acesso. Temos total respeito por ele, e sabemos que ele pensa como nós. Nosso projeto é longo, visando a Série A1 e, para isso, nossa busca será por atletas que já tenham vencido a competição", analisou o dirigente, com pensamento semelhante ao de Tuca:
"Não vejo nenhum problema em ser cobrado pelo meu histórico. Acho isso extremamente benéfico. Quero sempre ter a cobrança de ser campeão. Para isso, preciso ter essas condições, e vejo que essa é a mentalidade do EC São Bernardo".
 
 
" />