MINEIRO: Reservas mostram serviço e Cruzeiro goleia Patrocinense

A Raposa garantiu vaga na final do Troféu Inconfidência com uma vitória por 3 a 0

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 01 (AFI) - O Cruzeiro garantiu presença na final do Troféu Inconfidência ao golear o Patrocinense, por 3 a 0, na tarde deste sábado, no Mineirão.

O adversário da Raposa vai sair do confronto entre Uberlândia e Boa Esporte, marcado para as 19 horas deste domingo. A final erá realizado na próxima quarta-feira.

Como era esperado, o técnico Enderson Moreira aproveitou a partida para observar alguns jogadores que não vinham tendo muitas oportunidades. O curioso é que todos os gols saíram de cabeça.

OS GOLS DA RAPOSA

Cruzeiro levou a melhor sobre o Patrocinense (Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)
Cruzeiro levou a melhor sobre o Patrocinense (Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)

NADA DE GOLS
Os jogadores escolhidos por Enderson Moreira começaram a partida querendo mostrar serviço.

Logo aos quatro, Claudinho só não marcou porque a zaga tirou um gol que era certo. No minuto seguinte, Stênio finalizou por cima do travessão.

O Patrocinense não conseguia chegar e assistia a Thiago Passos salvando em chutes de Maurício e Machado.

Só nos minutos finais que o time visitante assustou. Emerson subiu livre, mas cabeceou sem forças e Léo afastou o perigo.

RAPOSA ABRE O PLACAR
Na volta do intervalo, aos 11 minutos, Felipe Machado cobrou escanteio e Ramon abriu o placar de cabeça. Logo depois, o Cruzeiro quase marcou em chutes de Maurício e Thiago. Em ambas, Thiago Passos salvou o Patrocinense.

A vaga para a final ficou ainda mais encaminhada aos 31 minutos. Adriano cruzou na medida para Roberson, também de cabeça, completar para o gol. Aos 35, João Lucas cruzou, Thiago Passos saiu mal e Maurício só completou de cabeça.

O placar ainda poderia ter sido mais elástico se Thiago Passos não defendesse chute de Marco Antônio e o árbitro não anulasse o gol de Welinton.

RESERVAS SEGUEM NA QUARTA


O TORNEIO
O Troféu Inconfidência é uma novidade deste ano no Campeonato Mineiro. O torneio de tiro curto havia sido idealizado como um "prêmio de consolação" para as equipes que terminassem entre a quinta e a oitava colocações no Estadual - até o ano passado, elas se classificavam para uma fase extra equivalente às quartas de final.

A grande surpresa desta edição de estreia foi justamente a presença do Cruzeiro, já que o time azul figurava entre os quatro melhores clubes da competição há 63 anos seguidos, desde 1957. A recusa da disputa configuraria abandono de competição oficial, passível de punição com rebaixamento, pagamento de multa e suspensão em outros campeonatos.

Confira os resultados da 1ª rodada
Cruzeiro
3
x
0
Patrocinense-MG
Próximos Jogos
Uberlândia-MG x Boa Esporte-MG
02/08/2020 19:00