Cruzeiro tentará a primeira vitória em casa contra sulistas no Brasileirão

Cruzeiro não perde há dez jogos, mas registra sete empates e só três derrotas

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 11 (AFI) - "Nós matamos ou morremos de vez". O técnico Abel Braga deu a letra para o Cruzeiro após o empate sem gols no clássico ante o Atlético-MG. A Raposa terá um confronto chave contra o Avaí pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. O problema é que os mineiros ainda não venceram em casa rivais sulistas.

CONTRA O LANTERNA

Na segunda-feira, 18 de novembro, o Cruzeiro receberá o lanterna Avaí no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, às 20 horas. Diante da torcida, a Raposa acumula um empate contra sulistas - 1 a 1 ante o Internacional - e três derrotas - 2 a 1 para a Chapecoense, 2 a 0 para o Athletico-PR e 4 a 1 para o Grêmio.

"A gente não pode esperar mais. No fundo, o primeiro critério é o numero de vitórias, e elas são muito poucas, invencibilidade não garante em lugar nenhum, precisamos de pontos.

Com todo respeito ao adversário, no próximo jogo, nós matamos ou morremos de vez. Temos que buscar pelo menos três vitórias", disse o treinador cruzeirense.

Jejum em casa. (Foto: Cruzeiro / Divulgação)
Jejum em casa. (Foto: Cruzeiro / Divulgação)

O Cruzeiro não perde há dez jogos, mas registra sete empates e só três derrotas. O clube mineiro ocupa a 15ª colocação com 35 pontos.

"Agora, a gente não pode chegar segunda-feira no jogo de Avaí e dizer que sentiu. Nós não podemos esperar mais não. Estamos ansiosos, o torcedor está ansioso", completou Abelão.