Fábio admite instabilidade no Cruzeiro, mas prevê recuperação contra Chapecoense

O goleiro esteve ausente na última rodada do Campeonato Brasileiro, quando o Cruzeiro foi derrotado pelo Fluminense por 4 a 1

por Agência Estado

Belo Horizonte, MG, 23 (AFI) - Ausente na derrota por 4 a 1, diante do Fluminense, no sábado passado, o goleiro Fábio admitiu nesta quinta-feira o momento de instabilidade pelo qual passa o time do Cruzeiro.

"É hora de voltar a vencer para passar novamente a confiança para o torcedor, de preferência jogando bem", disse o experiente jogador, de 38 anos, em entrevista coletiva, referindo-se ao duelo com a Chapecoense, domingo, às 19 horas, no Independência.

Poupado da partida contra o Fluminense, após grande sequência de jogos, o goleiro espera que o time se recupere dos últimos maus resultados e some pontos para sair da 15ª colocação, perto da zona de rebaixamento, com duas vitórias em cinco partidas disputadas.

ADVERSÁRIO CUIDA DELE"A Chapecoense não tem nada a ver com nosso momento difícil. Eles estão preocupados em fazer o melhor para a equipe deles. É um time forte e que nos últimos anos mostrou isso com belos jogos, belas temporadas, consistente.


O Cruzeiro sabe dessa dificuldade. Para ganhar da Chapecoense, vamos ter que correr muito, estarmos bem postados taticamente, e sobressair na qualidade do grupo.

Para o goleiro, o primeiro passo do Cruzeiro precisa ser dado em casa. "Jogando em Belo Horizonte, estamos cientes que precisamos fazer um bom aproveitamento em casa para que depois a gente possa alcançar voos positivos com vitórias fora de casa e recuperarmos dentro da tabela."

Com a semana inteira para treinar a equipe e preservar a parte física dos jogadores, o técnico Mano Menezes deve escalar o que tem de melhor diante do adversário catarinense. Na sequência, o campeão mineiro terá pela frente o São Paulo, no Morumbi, o Corinthians, em Minas, e o Fortaleza, no Ceará.