Candango: Com clube podendo desistir da disputa, saiba a situação das equipes

Ceilândia, Ceilandense, Sobradinho e Luziânia ainda não divulgaram seus treinadores para a competição estadual

por Sérgio Porto

Brasília, DF, 30 (AFI) - O início do 45º Campeonato Brasiliense de Futebol está previsto para 25 de janeiro. Portanto, faltam 26 dias para a bola rolar com 12 agremiações indo em busca do título candango.

Ceilândia, Ceilandense, Sobradinho e Luziânia ainda não divulgaram seus treinadores, enquanto o presidente do Luziânia renunciou. Além disso, o Ceilândia ainda ameaça ficar de fora, e o Sobradinho busca firmar parceria com grupo de investidores de São Paulo.

A MOVIMENTAÇÃO DOS CLUBES CANDANGOS
Ceilândia:
O Gato Preto passa por dificuldades fora de campo, já que não ainda conseguiu firmar nenhuma parceria e existe o risco de até mesmo não participar do Candango.

Luziânia: O Azulino do Entorno do Distrito Federal foi surpreendido com a renúncia do presidente Fábio Silva. Ainda sem saber quem assumirá o comando, chegou a ser ventilada uma ma parceria com a Aruc, time da Segundona Candanga, mas nada foi confirmado.

Sobradinho: O Leão da Serra do Distrito Federal está finalizando uma parceria com um grupo de investidores de São Paulo. A tendência é que o treinador venha com eles.

Brasiliense: O time do técnico Mauro Fernandes está em recesso até o dia 2 de janeiro, mas dois amistosos já estão agendados: no dia 11, diante do Goianésia; no dia 17, diante do Vila Nova; ambos fora de casa. Nos últimos testes, duas vitórias sobre o URT - 1 a 0 e 2 a 0.

Gama: O Alviverde do técnico Vilson Taddei tem um amistoso já agendado frente ao Goianésia, em 4 de janeiro. Um outro amistoso está sendo acertado diante da Aparecidense, oito dias depois. A novidade é a chegada do goleiro Mário, vindo do futebol do Mato Grosso.

Real Brasília: O time do técnico Ricardo Antonio realizou um amistoso com o Grêmio Anápolis e foi derrotado por 2 a 0. O próximo teste acontecerá em 7 de janeiro, contra a Aparecidense, em Goiás. Quatro dias depois, enfrentará o Anápolis, no interior goiano.

Taguatinga: O clube do técnico Júnior Araújo contratou o experiente atacante Acosta. Diogo, Guilherme, Jéferson, Lucas Judvan, Marquinhos Paracatu e Dan são algumas das outras caras do elenco.

Ceilandense: O clube se apresenta dia 02 de janeiro, no estádio Abadião, com um técnico do Rio de Janeiro cujo nome não foi revelado. Uma parceria com Índio, ex-lateral do Corinthians, trará até 12 atletas. Bruno, ex-goleiro do Flamengo, chegou a ser ventilado, mas a situação ainda não foi definida.

Bezerrão
Bezerrão
Paranoá: A equipe que será comandada por Vandinho Silva contratou o atacante Léo Carvalho e deve mandar seus jogos no Augustinho Lima, em Sobradinho.

Unaí: O time de Rúbio Guerra tem dois amistosos agendados: em 7 de janeiro, enfrentará a URT, no Zama Maciel, em Patos de Minas; em 11 de janeiro, receberá o Patrocinense, Urbano Adjuto, em Unaí (MG)

Capital: A equipe comandada por Luiz Carlos Souza realizou um amistoso com o Anápolis, fora de casa, e foi derrotada por 1 a 0.

Formosa: O Tsunami do Cerrado será comandado por Heli Carlos, mas a apresentação do elenco deve ocorrer apenas em 2 de janeiro. O time do goleiro Marcio Fernandes e do atacante Jessuí recebeu os volantes Everton Cesar e Foguinho.

OS TREINADORES JÁ CONFIRMADOS PARA O CANDANGÃO 2020:
BRASILIENSE:
Mauro Fernandes;

CAPITAL: Luiz Carlos Souza;

FORMOSA: Heli Carlos;

GAMA: Vilson Taddei;

PARANOÁ: Vandinho Silva;

REAL FC: Ricardo Antonio;

TAGUATINGA: Junior Araújo;

UNAÍ EC: Rubio Guerra.