Sem presidente nem elenco, campeão amapense pode ficar fora da Série D

A equipe disputou apenas uma partida esse ano, quando foi eliminada da Copa do Brasil pelo Cuiabá

por Agência Futebol Interior

Macapá, AP, 12 (AFI) – A participação do Ypiranga-AP na Série D do Campeonato Brasileiro está ameaçada. A equipe amapaense não tem presidente, vive crise política e financeira e pode abrir mão de disputar qualquer competição até o fim da temporada.

Em março, o clube deveria ter passado por eleições, mas como não houve nenhum candidato, o Conselho Deliberativo optou por renovar o mandato da diretoria atual até 2020. Dessa forma, o time estava sob o comando de Luiz Omar Pinheiro.

No entanto, Pinheiro entregou o cargo na última semana e o Conselho deve assumir o comando do clube, com pouco tempo para montar um elenco para a Série D.

Isso porque a competição começa no próximo mês e o Ypiranga não conta ninguém no elenco profissional, já que o grupo foi desfeito após a eliminação na Copa do Brasil, ainda no dia 13 de fevereiro, com derrota por 1 a 0 para o Cuiabá.

CAMPEONATO FORA DE HORA
Isso ocorre também por conta do calendário complicado do futebol amapaense. O campeonato estadual está previsto para ter início apenas em maio e nenhum time estaria disposto a manter um elenco sem disputar qualquer competição.

Para o Ypiranga, essa situação ainda se agravou, já que a equipe disputou a Copa do Brasil. Com isso, montou uma equipe que acabou disputando apenas uma partida e já ficou novamente sem compromissos oficiais.