ABC x Alecrim - Clássico marca o reecontro do técnico com torcida alvinegra

Ferdinando Teixeira, agora no Alecrim, teve muitas glórias no ABC

por Agência Futebol Interior

Natal, RN, 30 (AFI) - ABC e Alecrim se enfrentam na tarde deste domingo, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro da Série C, às 17 horas, no Estádio Frasqueirão, em Natal. O jogo marca o reencontro do técnico Ferdinando Teixeira com a torcida alvinegra, onde ele atuou por vários anos.

O ABC, junto com o Paysandu, são os únicos times que mantém o 100% de aproveitamento na competição nacional. Em uma partida disputada conqusitaram a vitória. O Alecrim lidera o Grupo B, com quatro pontos ganhos.

Volante fora
O volante Ricardo Oliveira será a grande baixa no time do ABC, que enfrenta o Alecrim, neste domingo. Ele capotou o carro na quarta-feira e, desde então, vem sofrendo com dores na região do pescoço e segue em observação pelo Departamento Médico do clube.

Outra dúvida que surgiu é o zagueiro Diego Padilha, que está com torcicolo. Caso ele não jogue, Leonardo entrará no seu lugar. Mas, é grande a chance do zagueiro atuar.

Dúvidas no esquema
O técnico Ferdinando Teixeira não definiu ao certo o esquema que irá enfrentar o alvinegro. Hércules foi escalado como volante no meio da equipe, que teve também a entrada de Cipó nas armações da jogada, nas vagas de Odair e André, respectivamente. Deixando o time mais defensivo e no 3-5-2.

Na segunda parte do treino, ele escalou o time no 4-4-2, com algumas mudanças. Magno assumiu a lateral-direita na vaga de Ângelo e Wescley na esquerda na vaga de Nego. No meio, Nivaldo e Henrique entraram nos lugadores de João Paulo e Hércules, respectivamente. A definição sai minutos antes nos vestiários.

Ficha técnica

ABC x Alecrim

Local: Estádio Frasqueirão, em Natal
Data: 01/08/2010
Horário: 17 horas
Árbitro: Paulo Brandão Figueira-RN
Assistentes: Clistenis Juny de Souza Alves-RN e Vinicius Melo de Lima-RN

ABC
Wellington; Lisa, Tiago Garça, Diego Padilha (Leonardo) e Renatinho; Basílio, Everton Cézar, Claudemir e Cascata; João Paulo e Éderson.
Técnico: Leandro Campos

Alecrim
Jair; Ângelo, Fabiano, Márcio Blot e Nego; Hércules, João Paulo, Marcelinho e Cipó; Helinho e Somália.
Técnico: Ferdinando Teixeira