Mateus Vital quer esquecer derrota corintiana: 'Levantar a cabeça para quarta'

Ele revelou bem o sentimento geral do grupo do Corinthians, focado na final da Copa do Brasil contra o Cruzeiro

por Agência Estado

São Paulo, SP, 6 - O meia Mateus Vital teve a grande chance do Corinthians na partida contra o Flamengo, quando o placar ainda estava 0 a 0, mas vacilou. Frente a frente com o goleiro adversário, no final do primeiro tempo, ele chutou em cima de Cesar.

O vacilo fez falta na etapa final, quando o Flamengo sobrou em campo e decretou uma vitória por 3 a 0 pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado mantém o time a apenas seis pontos da zona de rebaixamento. Ainda no gramado, Mateus Vital minimizou a fraca atuação.

"Acho que não jogamos mal. Criamos no primeiro tempo. Tive oportunidade e não fui eficiente. Tomamos esses gols, mas é levantar a cabeça para quarta-feira que tem a final contra o Cruzeiro pela Copa do Brasil", comentou o jogador.

Além de dois gols, Lucas Paquetá deu duas cambalhotas para comemorar quebras de tabus. Foto: Staff Images
Além de dois gols, Lucas Paquetá deu duas cambalhotas para comemorar quebras de tabus. Foto: Staff Images

ATUAÇÃO DISCRETA
Vital e todo o setor ofensivo tiveram atuação discreta. O Corinthians esperou o Flamengo em seu campo de defesa e tentou surpreender no contra-ataque. No primeiro tempo a tática funcionou. Mas no segundo, Paquetá fez dois gol após bolas alçadas na área.

O meio-campista também negou que a ansiedade pela final contra o Cruzeiro possa ter atrapalhado na partida.

"O Jair ligou nosso alerta, para entrar com foco. Mas infelizmente o objetivo não foi alcançado", analisou.

Sem poder de reação, o Corinthians não conseguiu furar a zaga do Flamengo e, para piorar, ainda levou o terceiro aos 45 minutos do segundo tempo. O time viaja na segunda-feira à noite para Belo Horizonte para o primeiro duelo da decisão da Copa do Brasil.

 
 
" />