Portuguesa 1 x 1 Atlético-MG - Lusa pressiona, mas esbarra na "muralha"

O goleiro Victor foi o principal jogador em campo no duelo deste sábado

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 29 (AFI) – O Atlético-MG não conseguiu encostar novamente no líder Fluminense ao empatar neste sábado com a Portuguesa, por 1 a 1, no Estádio do Canindé, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time paulista segue sem saber o que é perder para o adversário mineiro atuando em São Paulo ao longo de toda a história da competição. São seis vitórias e seis empates.

O resultado manteve a Portuguesa na zona de classificação para a Copa Sul-Americana, em 13º lugar, com 33 pontos, seis a mais que o Sport, primeiro da degola. Por outro lado, o Atlético perdeu a chance de encostar no líder Fluminense, continuando na vice-liderança, com 53 pontos, três a menos que o time carioca, que entrará em campo no domingo.

Emoção só no final
A partida começou sem muita emoção e com os dois times se estudando antes de se lançarem para o ataque. A primeira chegada com perigo foi do Atlético aos 12 minutos. Ronadinho Gaúcho passou para Bernard que ajeitou de cabeça para Jô. A bola tinha endereço certo, mas Lima se antecipou ao atacante e aliviou o perigo. Tanto Portuguesa quanto Galo erravam muitos passes e por isso não chegavam com muito perigo ao gol adversário.

Aos 24, Bruno Mineiro ajeitou para Moisés, que chegou batendo de primeira e colocado. A bola passou raspando o travessão de Victor, que já estava batido no lance. Os dois times abusavam muito dos cruzamentos para dentro da área, mas sem sucesso. Atentos, Dida e Victor dominavam o jogo pelo alto. Ligeiramente melhor, a Portuguesa criava os principais lances.

Boquita escapou a marcação e soltou a bomba de fora da área. Com as pontas dos dedos, Victor espalmou para escanteio. A Lusa chegou a abrir o placar aos 41 minutos, Bruno Mineiro dominou dentro da área e bateu na saída de Victor. No entanto, o árbitro anulou o gol assinalando toque de mão do atacante rubroverde.

Tudo igual e pressão lusitana
Assim como terminou o primeiro tempo, a Portuguesa voltou do intervalo em cima do Atlético e assustou logo aos três minutos. Ananias invadiu a área e soltou a bomba para segura defesa de Victor, que estava bem posicionado. Mas dois minutos depois não teve jeito. Moisés cobrou falta para a área, Bruno Mineiro dividiu no alto com Victor e a bola sobrou para Léo Silva. Com o gol aberto, o volante estufou as redes. Os jogadores atleticanos ficaram pedindo falta no goleiro.

A resposta do Galo veio aos sete. Ronaldinho Gaúcho bateu rasteiro e o zagueiro Leonardo Silva desviou no meio do caminho. A bola foi defendida tranquilamente por Dida. Aos 17, Moisés recebeu pela direita e bateu cruzado, mas ninguém desviou e Victor apenas acompanhou. O empate do Atlético veio três minutos depois. Ronaldinho Gaúcho cobrou falta rasteira, a bola desviou na barreira e sobrou para Bernard. O meia dominou e fuzilou o gol de Dida.

E quase que o Galo virou na sequência. Bernard escapou pela esquerda e bateu cruzado. O goleiro lusitano apenas acompanhou. Aos 23, Leonardo Silva cometeu falta em Boquita e recebeu o segundo amarelo, deixando o time mineiro com um a menos. Mesmo assim, por muito pouco o Atlético não marcou o segundo. Ronaldinho Gaúcho cobrou falta e a bola acertou na trave.

Nos minutos finais, a Portuguesa passou a pressionar o Atlético, principalmente por jogar com um homem a mais. Aos 38, Bruno Mineiro ajeitou para Moisés, que soltou a bomba dentro da área. Victor fez grande defesa e impediu o gol lusitano. No último lance do jogo, Moisés chutou com força para mais uma boa intervenção do camisa 1 atleticano.

PRÓXIMOS JOGOS
A Portuguesa volta a campo na próxima sexta-feira, contra o Sport, novamente no Canindé, às 21 horas, pela 28ª rodada. No sábado, o Atlético-MG recebe o Figueirense, às 18h30, na Arena Independência.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
27ª rodada
Data
29/09/2012
Horário
18h30
Local
Estádio do Canindé, em - São Paulo (SP)
Árbitro
Elmo Alves Resende Cunha-GO

Renda
Não disponível.
Assistentes
Evandro Gomes Ferreira-GO e João Patrício de Araújo-GO

Público
Não disponível.
Portuguesa-SP
Dida;
Luis Ricardo, Lima, Valdomiro e Rogério;
Ferdinando (Michael), Léo Silva, Boquita e Moisés;
Ananias e Bruno Mineiro.
Técnico: Geninho
Atlético-MG
Victor;
Marcos Rocha (Luiz Eduardo), Rafael Marques, Leonardo Silva e Junior César;
Pierre (Serginho), Fillipe Soutto, Danilinho (Guilherme), Ronaldinho e Bernard;
Técnico: Cuca