América-MG 2 x 2 Grêmio - Coelho cada vez mais perto da Série B

Apesar do empate com o segundo melhor time do returno, o Coelho segue na lanterna

por Agência Futebol Interior

Sete Lagoas, MG, 22 (AFI) - De baixo de muita chuva, América-MG e Grêmio fizeram um jogo equilibrado na noite deste sábado em em Sete Lagoas. O placar refletiu o jogo, que terminou empatado por 2 a 2, em partida válida pela 31ª rodada do Brasileirão.

O Grêmio segue com a segunda melhor campanha do segundo turno, mas aparece apenas na nona colocação, com 43 pontos. O América deu mais um passo rumo à Série B. Com o empate, o time segue na lanterna, com 25 pontos conquistados.

Tudo igual...
Apesar de não ter maiores pretensões no Campeonato Brasileiro, o Grêmio, querendo fazer bonito na reta final, começou a partida indo para cima e ameaçando logo no primeiro minuto, quando Escudero recebeu a bola na área, tirou do goleiro, mas perdeu o ângulo e chutou para fora do gol do América.

Na sequência o Coelho chegou por duas vezes na área gremista com Thiago Carleto, que cruzou, mas os atacantes não aproveitaram. Diante disso, aos 11 minutos, o lateral-esquerdo, em outra oportunidade, arrancou em diagonal e foi derrubado. Na cobrança, o próprio Carleto soltou a bomba e abriru o placar na Arena Jacaré.

O Jogo seguia equilibirado, muitas vezes de forma truncada, o que resultou em alguns cartões. O América levou a pior e teve o lateral-direito Marcos Rocha expulso aos 32 minutos, por falta violenta em Douglas. Como "castigo", o Coelho levou o gol de empate aos 34. quando André Lima recebeu na área e chutou, de voleio, na saída do goleiro Neneca.

O América ainda teve uma grande chance de terminar o primeiro tempo na frente do marcador. Aos 41 minutos, após cobrança de escanteio, o zagueiro Anderson subiu mais que a zaga gremista e cabeceou. Mas a bola acertou o travessão e foi para a linha de fundo.

Coelho rumo à Série B
Na segunda etapa o Grêmio voltou com uma substituição. Saiu Fernando, que já tinha levado amarelo, para a entrada de Edcarlos. Além da troca de jogadores, o Tricolor Gaúcho veio com uma postura mais ofensiva e pressionando o América desde o início.

Marcando a saída de bola do Coelho e mantendo a posse de bola, o gol da virada não demorou a sair. Aos seis minutos, André Lima recebeu da esquerda, dominou na área e chutou cruzado para marcar seu segundo gol no jogo.

O Grêmio seguia mandando no jogo e quase marcou o segundo aos 11 minutos. Marquinhos cobrou galta da entrada da área, com muito perigo, mas o goleiro Neneca foi buscar e mandou para a linha de fundo. Na cobrança do escanteio, a zaga do Coelho afastou.

O Coelho chegou somente aos 27 minutos, quando Leandro Ferreira avançou, passou por três jogadores gremista e bateu, mas a bola explodiu na zaga, que afastou o perigo. Aos 32, Thiago Carleto bateu falta e Victor defendeu. No rebote, Leandro Ferreira chutou para fora, desperdiçando a melhor chance do América na segunda etapa.

Aproveitando as chances de bola parada, o América conseguiu empatar o jogo após cobrança de escanteio. Em um lance igual a do final da primeira etapa, também aos 41 minutos, o zagueiro Anderson subiu e cabeceou, mas desta vez acertou as redes.

Próximos jogos
Os dois times voltam a campo no próximo domingo. O América enfrenta o Coritiba, no Estádio Couto Pereira, em Curitiba, a partir das 18 horas. O Grêmio recebe o Flamengo, no Estádio Olimpico, âs 16 horas.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
31ª rodada
Data
22/10/2011
Horário
18h00
Local
Arena do Jacaré, em - Sete Lagoas (MG)
Árbitro
Nielson Nogueira Dias-PE

Renda
R$ 5.470,00
Assistentes
Jossemmar Diniz Moutinho-PE e Clovis Amaral da Silva-PE

Público
829 pagantes
América-MG
Neneca;
Micão (Fabrício), Anderson e Everton Luiz;
Marcos Rocha, Glauber, Leandro Ferreira, Rodriguinho e Thiago Carleto;
Alessandro (Fábio Júnior) e Kempes (Léo)
Técnico: Givanildo Oliveira
Grêmio-RS
Victor;
Mário Fernandes, Gilberto Silva, Rafael Marques e Júlio César;
Fábio Rochemback, Fernando (Edcarlos), Douglas (Diego Clementino), Marquinhos (Adilson) e Escudero;
André Lima
Técnico: Celso Roth