Rei do Futebol: Pelé recebia o prêmio de 'Atleta do Século' há 39 anos

Jogador brasileiro foi eleito por jornalistas; americano Jesse Owens e o ciclista belga Eddy Merchx completaram o pódio

por Federação Paulista (FPF)

Santos, SP, 15 (AFI) - Qual é o maior jogador de todos os tempos da história do futebol mundial? Sem pensar muito, certamente o primeiro nome que veio em sua mente foi o de Pelé, não é mesmo?

Mas qual seria o maior atleta de todos os esportes? No dia 15 de maio de 1981, o mundo reverenciou o Rei, que recebeu o troféu de Atleta do Século XX de todos os esportes pelo jornal francês L’Equipe.

Maior de todos os tempos. (Foto: Ricardo Stuckert / CBF)
Maior de todos os tempos. (Foto: Ricardo Stuckert / CBF)
VOTAÇÃO!

O renomado jornal francês L''Equipe organizou uma votação para eleger o esportista do Século XX em 1980. No dia 12 de julho daquele ano, jornalistas das 20 mais importantes publicações de esporte de todo o mundo elegeram Pelé como o atleta do século. O Rei abocanhou 178 pontos, nove a frente do atleta norte-americano Jesse Owens. O pódio foi completado pelo ciclista belga Eddy Merchx, com 99 pontos.

A entrega, porém, foi realizada apenas no dia 15 de maio de 1981, data do amistoso em que o Brasil venceu a França por 3 a 1, no estádio Parc des Princes, em Paris, com gols de Zico, Reinaldo e Sócrates. Six anotou para os franceses.

Antes do amistoso, Pelé recebeu a homenagem e deu a volta olímpica no estádio com a torcida ovacionando o Rei, que carregava a escultura representando um atleta de futebol com os braços erguidos, simbolizando o triunfo desportivo.

Uma vez Rei, sempre Rei. (Foto: Arquivo)
Uma vez Rei, sempre Rei. (Foto: Arquivo)
REI

Até hoje, Pelé é o maior goleador de toda a história do futebol mundial com 1.281 gols em 1.363 partidas. Natural de Três Corações, cidade do estado de Minas Gerais, o ex-jogador brilhou pelo Santos durante 17 temporadas -1957 a 1974.

Com a camisa alvinegra, Pelé anotou simplesmente 1090 tentos, sendo bicampeão mundial e bicampeão da Libertadores, além de seis vezes campeão brasileiro e decacampeão paulista, além de 11 vezes o prêmio de artilheiro do estadual.

BRASIL!
Com a Seleção Brasileira, Pelé foi fundamental na conquista do primeiro título da Copa do Mundo, em 1958. Com apenas 17 anos, encantou a Suécia ao marcar seis gols, sendo três na semifinal contra a França e dois na decisão contra os anfitriões.

Eterno craque. (Foto: Arquivo / CBF)
Eterno craque. (Foto: Arquivo / CBF)
Em 1962 e 1966, Pelé sofreu lesões que o impossibilitaram de atuar durante todo o mundial. Apesar das lesões, o jogador fez um gol em cada edição. Já em 1970, no México, Pelé liderou a Seleção Brasileira que era formada por diversos craques como Gérson, Rivellino e Tostão.

Com quatro gols, o Rei mais uma vez conquistou o mundo e o tricampeonato mundial para a seleção canarinho.

No dia 9 de novembro de 1999, Pelé ainda foi escolhido Atleta do Século também pelo Comitê Olímpico Internacional.

Em 2011, o Rei foi eleito "patrimônio esportivo da humanidade" do Brasil após uma votação pela internet que teve o objetivo de impulsionar a consolidação da importância da preservação da realidade esportiva no mundo.

Por Luiz Minici