Time da Série B sonda Rildo e fica próximo de ex-meia de Guarani e Ponte Preta

O Avaí já abriu negociações com o atacante e com Rafael Longuine

por Agência Futebol Interior

Florianópolis, SC, 09 (AFI) - Após anunciar a dispensa de 18 jogadores durante a tarde desta segunda-feira (09) após o rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro de 2020, o Avaí está de volta ao mercado e focado em dois jogadores que já passaram pela Ponte Preta. O meia Rafael Longuine e o atacante Rildo.

Aos 29 anos, Longuine busca novamente retomar sua carreira. Com um histórico grande de lesões, o meio-campista jogou pouco na Ponte Preta, seu último clube. Tanto que durante o ano de 2019, fez apenas nove jogos e marcou dois gols. Além do Macaca, o jogador que ainda pertence ao Santos também tem passagem por Guaranni, Coritiba, Audax, Rio Branco, Comercial e Inter de Bebedouro.

O Avaí já abriu negociações com Rafael Longuine
O Avaí já abriu negociações com Rafael Longuine
Já Rildo, não está sem atuar há quatro meses. Em sua passagem pelo Daegu FC, da Coreia do Sul, ele fez apenas um jogo.Antes disso, passou pela Chapecoense durante as quatro primeiras rodadas do Brasileirão e marcou dois gols. O atacante tem passagem por Vasco, Coritiba, Corinthians, Vitória, Ferroviária e Ponte Preta - onde foi destaque.

Rebaixado para a Série B, o Avaí vai passar por uma profunda reformulação. Inclusive na comissão técnica. Evando Camillato vai voltar para a função de auxiliar e a diretoria espera fechar com Jorge Fossati como treinador. As conversas, inclusive, já foram iniciadas.