Série C: Técnico considera deixar o Atlético e diz que não saiu antes por gratidão

Após rebaixamento, Álvaro Miguéis vai terminar a disputa da terceira divisão e da Copa Verde antes de decidir sobre futuro

por Agência Futebol Interior

Rio Branco, AC, 12 (AFI) - Primeiro rebaixado na Série C do Campeonato Brasileiro, o Atlético Acreano ainda tem dois jogos a serem disputados na competição nacional e pelo menos mais dois na Copa Verde. Assim que a participação nesses dois campeonatos for encerrado, o clube começará a pensar na próxima temporada, e uma das decisões mais importantes será sobre a manutenção ou não do técnico Álvaro Miguéis, que considera a possibilidade de deixar o clube.

Em entrevista após o rebaixamento, o treinador foi sincero ao dizer que a queda era previsível, em razão da falta de investimento, e ainda revelou que por pouco não deixou o time antes da Série C.

“É triste. É algo que eu sabia que podia acontecer desde quando estávamos jogando o estadual. Chamei o Geison (diretor financeiro) e o Elison (presidente), e disse que se não tivéssemos um investimento de R$ 400 mil ao mês, provavelmente, isso aconteceria. Não saí antes quando ganhei o estadual porque devo favores a pessoas que me ajudaram muito a construir essa história bonita no Atlético-AC, que me pediram que eu não saísse”, afirmou.

Foto: Manoel Façanha
Foto: Manoel Façanha
“Tem que esperar terminar as competições desse ano. Este ano já não era para eu ter ficado no Atlético-AC. Tive uma proposta muito boa e já expliquei porque fiquei. Mas pro ano que vem tenho que pensar após o término dessas duas competições”, completou.

COPA VERDE
Dois dias depois da goleada por 4 a 0 para o Paysandu e a concretização do retorno à Série D, o Atlético já volta a campo para a disputa da Copa Verde. Nesta terça-feira, o compromisso é contra o Ypiranga-AP, a partir das 20 horas, no Zerão, pela rodada de ida das oitavas de final.