Corinthians estreia no ano e tenta manter embalo do fim de 2020 diante do Flu

Oito pontos separam o Corinthians (39 pontos) do grupo da Libertadores e Mancini acredita que ainda dá para obter a vaga

Publicado em .

Oito pontos separam o Corinthians (39 pontos) do grupo da Libertadores e Mancini acredita que ainda dá para obter a vaga

São Paulo, SP, 13 (AFI) - O Corinthians faz seu primeiro jogo no ano nesta quarta-feira, às 21h30, contra o Fluminense, na Neo Química Arena, pela 29.ª rodada do Campeonato Brasileiro. A expectativa é não deixar com que os 16 dias de treinamento acabem com o embalo da equipe, que vinha de três vitórias consecutivas e começava a sonhar com vaga para a próxima Copa Libertadores.

Principal responsável pela ascensão do time na temporada, o técnico Vagner Mancini não achou ruim o período sem jogos, pois sabe que a reta final será desgastante.

Mancini ainda crê na vaga da Libertadores. (Foto: Rodrigo Coca / Corinthians)
Mancini ainda crê na vaga da Libertadores. (Foto: Rodrigo Coca / Corinthians)
"Lógico que quando você vem numa sequência boa o que todo mundo queria era sequência de jogos, que teremos a partir do jogo contra o Fluminense. Vamos jogar quarta e domingo, vai ser diferente do que tivemos em novembro e dezembro", disse.

"É importante saber utilizar um momento como esse. Tivemos tempo de reorganizar algumas coisas em cada setor da equipe. Se perde pela falta de sequência, ganha pelo tempo de descanso e reajuste", acrescentou o treinador corintiano.

FAZ TEMPO...
A última partida disputada pelo time foi em 27 de dezembro, quando venceu o Botafogo por 2 a 0, fora de casa. Depois, teve um jogo adiado contra o Palmeiras (marcado para a próxima segunda-feira, dia 18, no Allianz Parque) e nesta quarta-feira enfrentará um adversário que também sonha com um lugar no G6 - o Fluminense, que não terá o técnico Marcão no banco por estar com covid-19, está em sétimo lugar com 43 pontos.

Oito pontos separam o Corinthians (39 pontos) do grupo da Libertadores. Mancini acredita que ainda dá para obter a vaga.

"Acho possível sim, a partir do momento que a gente mantenha o desempenho que tem chamado a atenção de todos. Mais importante do que falar do futuro, é manter o que é feito, buscando evolução."

Para a partida, o treinador não contará com o meia Otero, que testou positivo para covid-19. O jogador venezuelano está assintomático e cumpre isolamento.