Paulista A2: Evaristo Piza analisa duelo do XV de Piracicaba contra o Guarani

"Sabemos das dificuldades que teremos pela frente" disse o comandante do Nhô-Quim nessa terça-feira

por Agência Futebol Interior

Piracicaba, SP, 13 (AFI) - Ainda sem saber o que é uma derrota longe dos seus domínios e há três partidas invicto no Campeonato Paulista Série A2, o XV de Piracicaba vai a Campinas na noite desta quarta-feira encarar o Guarani, às 20h00, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, pela sétima rodada. O Nhô Quim busca o resultado positivo para se aproximar da zona de classificação do estadual.

O Alvinegro Piracicabano ocupa a décima posição no torneio, com oito pontos ganhos, quatro atrás do próprio Guarani, atual quarto colocado, com 12 pontos somados. “Sabemos das dificuldades que teremos pela frente, pois enfrentaremos uma equipe que vem embalada e trata-se de um clássico. Precisamos entrar fortes e concentrados para atingirmos nosso objetivo”, disse o técnico quinzista, Evaristo Piza, que comandou o adversário em 2014.

Invicto fora de casa, XV enfrenta o Guarani em Campinas pelo Paulistão A2 (Foto: Vitor Prates)
Invicto fora de casa, XV enfrenta o Guarani em Campinas pelo Paulistão A2 (Foto: Vitor Prates)
CONHECEM BEM
Além dele, o lateral-direito Oziel, o lateral-esquerdo Pedrinho e os atacantes Everton e Fabinho já estiveram do outro lado. O auxiliar-técnico de Piza, Thiago Carpini, também foi jogador do time de Campinas.

“Sei da tradição, da importância da camisa, da torcida e do elenco do Guarani, porém nosso time está pronto para ir ao Brinco de Ouro e fazer uma grande partida”, externou o treinador do XV.

“O mais importante neste momento é que o confronto vale muito dentro da competição. Com uma vitória, nós encostamos no adversário, um empate não deixaria que eles abrissem sete pontos de vantagem para nós. Então, é um jogo de seis pontos, uma decisão entre dois elencos qualificados e preparados para jogarem uma partida como essa”, prosseguiu Piza, que realizou na tarde desta terça-feira, no Barão da Serra Negra, o último treino antes do duelo.

Diante de um embate difícil pela frente, toda a atenção é bem-vinda no intuito de voltar para Piracicaba com os três pontos na “bagagem”. “Temos que estar muito concentrados e equilibrados para errarmos o menos possível e sabermos tirar proveito das situações do jogo. Quando se inicia um planejamento, é sempre pensando em atingir os melhores resultados. Um empate fora de casa não é ruim, mas não é o que pretendemos nesse momento”, falou Piza.