Paulistão: XV de Piracicaba se livra de Roque Junior, pior treinador da sua história

Comandante conquistou apenas uma vitória em seis jogos disputados

por Agência Futebol Interior

Piracicaba, SP, 22 (AFI) – Demorou, mas a diretoria do XV de Piracicaba finalmente tomou a decisão correta. Depois de uma reunião realizada na manhã deste domingo, os diretores do Nhô Quim demitiram o técnico Roque Junior depois de fraca campanha no Paulistão.

Roque Júnior não é mais técnico do XV de Piracicaba
Roque Júnior não é mais técnico do XV de Piracicaba

Roque Junior assumiu o XV de Piracicaba no final do ano passado e nunca agradou. Durante a disputa do Campeonato Paulista, o comandante somou apenas três pontos em seis jogos disputados, deixando o Nhô Quim na terceira posição do Grupo D e no 17º lugar na classificação geral. Ou seja, na zona do rebaixamento.

NÃO FALTOU AVISO
Desde a contratação de Roque Junior o PORTAL FUTEBOL INTERIOR alertava os torcedores do XV de Piracicaba que as chances desta aposta dar errado eram grandes, e deu no que deu. Além de comprar briga com a imprensa local, Roque Junior mostrou ser arrogante e que não tem condições de seguir carreira como treinador.

A diretoria do XV de Piracicaba já começa a observar técnicos no mercado e o mais cotado para assumir é o fraco Toninho Cecílio, ex-Palmeiras.

Vagner Benazzi: experiência em acesso e contra descenso
Vagner Benazzi: experiência em acesso e contra descenso
BOAS OPÇÕES
Com um retrospecto negativo, de cinco derrotas e uma vitória, o técnico Roque Junior acabou sendo demitido pela diretoria, neste domingo, um dia após a derrota para o Linense, por 2 a 1, em Lins, pela sexta rodada do Campeonato Paulista. Os nomes mais cotados para substituí-lo são Edison Só, Estevam Soares e Vágner Benazzi.

Com apenas três pontos, o XV é o lanterna do fraco Grupo D e está na zona do rebaixamento. Uma mudança radical se faz necessário e a torcida já tinha “pedido a cabeça” do técnico na semana passada, após a derrota, em casa, para o Ituano, por 2 a 1.

Luis Carlos Ferreira: experiência inigualável no Interior
Luis Carlos Ferreira: experiência inigualável no Interior
As opções são lógicas. Uma delas é Edison Só, que dirigiu o XV durante parte do Paulistão 2014 e fez uma boa campanha. Desde então não trabalhou mais. Outra alternativa é Estevam Soares, que também já livrou o time de queda, mas na temporada de 2013.

SALVADOR DA PÁTRIA
Vágner Benazzi, conhecido no Interior como “Rei do Acesso” nos últimos anos salvou vários times de queda, como Botafogo, de Ribeirão Preto, e Bragantino.

Dentro deste perfil de "salvador da pátria" é possível até um contato com Luis Carlos Ferreira, um técnico experiente e que já viveu situações parecidas em dezenas de clubes de todo o Interior Paulista.

O objetivo da diretoria, agora, é tirar o atraso nesta semana de folga do Paulistão. O seu próximo jogo será disputado dentro do Barão da Serra Negra, sábado, contra o Botafogo, que sábado venceu o Bragantino, por 1 a 0, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

 
 
" />