Perto da zona de rebaixamento, Sport Recife fica sem Claudinei Oliveira

Leão chegou ao oitavo jogo sem vencer e se complicou na classificação. Técnico pediu o boné.

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 12 (AFI) - Chegou ao final a passagem de Claudinei Oliveira pelo Sport. Neste domingo, após a derrota por 3 a 1 para o São Paulo na Ilha do Retiro, o treinador entregou cargo. Junto com ele, também deixa o clube o auxiliar-técnico Luciano Gusso.

Contratado para a disputa do Brasileirão, Claudinei teve um bom início, mas depois engatou uma sequência de resultados ruins. A derrota para o Tricolor, neste domingo, fez o Sport chegar ao oitavo jogo sem vencer na temporada.

EXPLICAÇÕES

"Infelizmente, as coisas não estão acontecendo. Não é por falta de empenho, trabalho. Mas, quando as coisas não acontecem, não posso pensar em mim. Tenho que pensar no clube também. Não seria legal eu pegar, sair andando, até pelo contato que tivemos", comentou o treinador.

Durante sua curta passagem pelo Sport, Claudinei Oliveira comandou o time em 16 jogos, com cinco vitórias, quatro empates e sete derrotas. A expectativa é que a diretoria do Leão anuncie um novo nome até a próxima terça-feira.

SEIS MANTIDOS
A mudança de técnicos é uma rotina no futebol nacional. Em 18 rodadas, 14 clubes já trocaram de comando. Só permanecem no cargo: Diego Aguirre (São Paulo); Maurício Barbieri (Flamengo), Mano Menezes (Cruzeiro), Thiago Larghi (Atlético Mineiro), Renato Gaúcho (Grêmio), Odair Hellmann (Internacional).

 
 
" />