Copa Paulista: Técnico do São Caetano valoriza decisão em casa: "Pode ajudar"

Marcelo Vilar avalia retorno para São Paulo e destaca importância de decidir em casa

por Agência Futebol Interior

São Caetano do Sul, SP, 13 (AFI) - Após passagens de destaque em âmbito nacional, Marcelo Vilar retornou ao futebol paulista depois de 13 anos para comandar o São Caetano. Novamente no principal centro futebolístico do Brasil, o comandante não decepcionou e conseguiu importante feito ao conduzir o Pequeno Gigante pela primeira vez à decisão da Copa Paulista.

Conquista que já garantiu o Azulão em uma competição nacional na próxima temporada: Série D do Brasileiro ou Copa do Brasil. Diante do trabalho realizado desde então no Anacleto Campanella, o comandante azulino destacou os motivos que fizeram o Azulão disputar o título contra o XV de Piracicaba.

Perto da final, Marcelo Vilar avalia retorno para São Paulo e destaca importância de decidir em casa (Foto: Fabrício Cortinove)
Perto da final, Marcelo Vilar avalia retorno para São Paulo e destaca importância de decidir em casa (Foto: Fabrício Cortinove)
“O profissional, treinador de futebol, vive de resultado. Você voltar na Copa Paulista e chegar na final é motivo de comemoração. Claro que não se consegue nada sozinho. O empenho do grupo, apoio da direção e de todos os membros da comissão técnica fizeram com que chegássemos na decisão. Chegar na final é algo gratificante em termos profissionais”, explicou.

FOCO NA FINAL
Com a vantagem do empate ao seu favor, o São Caetano realiza o segundo jogo da final da Copa Paulista neste sábado. De olho no confronto decisivo frente o Nhô Quim, Marcelo Vilar ressaltou a importância que atuar no Anacleto Campanella possui para o conjunto azulino.

“O momento do São Caetano é de ressurgimento, de recomeço. É muito bom decidir dentro de casa. Contra o São Bernardo já tivemos mais torcedores aqui (Anacleto Campanella). A gente acredita que mais gente virá nos apoiar no fim de semana e, assim, ser o nosso 12° jogador na busca do tão almejado título”, desejou o treinador.

A partida decisiva entre Azulão e o clube de Piracicaba acontece neste sábado. Dia em que as equipes se enfrentam no Anacleto Campanella, às 17h.