CBF obriga clube da Série C ir a campo com dez jogadores e machucados no banco

Sem falar que time paulista ainda terá que usar goleiro na linha

por Agência Futebol Interior

Sorocaba, SP, 26 (AFI) - Rogério Caboclo e Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a cada semana, fecham ainda mais os olhos para os chamados clubes pequenos. O prejudicado nesta segunda-feira é o São Bento que será obrigado a entrar em campo com apenas dez jogadores e alguns lesionados no banco de reservas.

"O Esporte Clube São Bento não compactua com a decisão da CBF em manter o jogo de hoje. Os protocolos sanitários foram e continuam sendo seguidos pelo ECSB, mas infelizmente um surto de COVID-19 atingiu nosso elenco. Pedimos o adiamento da partida, mas o pleito foi recusado pela CBF, que confirmou o jogo para hoje", diz nota oficial do Bentão.

Isso mesmo! A entidade que deveria zelar pelo futebol nacional não irá adiar a partida entre São Bento e Criciúma nesta segunda-feira às 18 horas no Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba, pela 12ª rodada do Grupo B. O Bentão, mais cedo, havia protocolado um pedido de adiamento.

Cabloco e CBF contra times pequenos. (Foto: Leandro Lopes / CBF)
Cabloco e CBF contra times pequenos. (Foto: Leandro Lopes / CBF)

EM PERIGO!
"Acreditamos que essa decisão coloca em risco todos os profissionais que trabalharão na partida: comissão e atletas do ECSB, comissão e atletas do Criciúma, além dos fiscais, árbitros e apoios", segue o clube paulista.

O motivo? Surto de Covid-19. O São Bento registra 15 jogadores com Covid-19, um suspenso e quatro no departamento médico. Segundo o Bentão, restam só 12 jogadores, sendo três goleiros. Ou seja, seriam só nove jogadores de linha para tentar a reabilitação no Grupo B.

Essa era a contagem no início do dia. O São Bento informou que dois jogadores estão com sintomas e, por precaução, não irá escalá-los. Ou seja, o time paulista vai a campo com apenas dez jogadores e terá que colocar atletas lesionados no banco de reservas.

Edson Vieira sem time em Sorocaba. (Foto: Neto Bonvino / São Bento)
Edson Vieira sem time em Sorocaba. (Foto: Neto Bonvino / São Bento)

UM A MENOS!
"Ao todo, são 15 jogadores testados positivos e mais 02 com sintomas, teremos que relacionar jogadores que estão no departamento médico para que ocorra essa partida. Infelizmente teremos que ir pro jogo sem banco de reservas e com um goleiro atuando na linha", completa a nota oficial.

A CBF diz que o São Bento tem 38 jogadores inscritos na Série C e 13 aptos para o jogo, número mínimo imposto pela entidade para que o jogo aconteça. A CBF ainda informa que o time paulista poderia relacionar jogadores da base, como aconteceu com o São Caetano na Série D. O São Bento contesta a afirmação da CBF.

FORA DE COMBATE!
Evandro, Pablo, Denner, Lucas Silva, Magrão, Sávio, Luis Henrique, Léo Aquino, Igor, Laércio, Marcelo, Ruan, Dogão, Alison e Fábio Bahia são os atletas com o novo coronavírus. Jair, Jheimy, Allan Vieira e Welisson se recuperam de lesão, enquanto Serginho está suspenso.

O São Bento amarga a última colocação do grupo com apenas oito pontos, cinco a menos que o São José-RS, primeiro fora da zona de rebaixamento.