América-RN 4 x 0 Portuguesa - Para lavar a alma e sair da degola!

por Agência Futebol Interior

Campeonato Brasileiro da Série B. Com um futebol eficiente, o América-RN goleou a Lusa, por 4 a 0, na noite desta sexta-feira, no Natal, RN, 23 (AFI) – A Portuguesa não conseguiu manter sua boa fase, levou uma surra e ficou mais distante dos quatro primeiros colocados do Estádio Machadão, em Natal, na abertura da 32.ª rodada da competição. A Rádio Futebol Interior transmitiu esse jogão AO VIVO em cadeia com a Rádio Globo de Natal. Foi um show de transmissão do

narrador Marcos Lopes e toda a equipe da melhor rádio de Natal.A importante vitória tirou o time potiguar da zona de rebaixamento. Agora, os donos da casa ocupam a 16.ª colocação, com 36

Leia ainda:
Série B: Em noite de goleadas, Ceará e Atlético-GO disparam no G4

pontos. Resta, agora, ficar na torcida contra o Bahia, que enfrenta o Vasco, neste sábado, e está na 17.ª posição, com 35 pontos. Por outro lado, a Lusa, que nunca venceu no Machadão, teve quebrada sua invencibilidade de cinco rodadas, sendo quatro vitórias

e um empate. O tropeço distanciou o time paulista do G4, já que tem 51 pontos, no sexto lugar, contra 56 do quarto colocado, o Atlético-GO.

Gol relâmpago acaba com esperanças!entretanto, precisou de apenas três minutos para acabar com as esperanças lusitanas. Após cobrança de escanteio pelo lado
Antes do jogo, a intenção da Portuguesa era arrancar uma vitória fora de casa para, quem sabe, entrar no G4. O América, direito, o volante Júlio Terceiro subiu no terceiro andar e cabeceou para o chão para abrir o placar.O gol logo no começo obrigou a Lusa a sair para o jogo, mas a forte marcação americana evitava que o perigo chegasse à meta do

goleiro Rodolpho. Com a área congestionada, o jeito foi chutar de longe. E foi desta maneira que o meia Marco Antônio quase deixou tudo igual, ao carimbar a trave aos 17 minutos.

A resposta do Mecão veio na mesma moeda. Pior para o goleiro Muriel, que teve de trabalhar para não sofrer o segundo gol. O volante Ricardo Oliveira arriscou da intermediária e o camisa 1 se esticou todo para desviar com a ponta dos dedos pela linha de fundo.O panorama do jogo não se alterou pelos menos seguintes. O time potiguar cedeu campo para a equipe paulista, que encontrou até

certa facilidade para trocar o passes. O mesmo não aconteceu na hora de finalizar. Com grande dificuldades para chutares a gol, os visitantes só levaram perigo em uma cabeçada do zagueiro Thiago Gomes no travessão, aos 43.

Lusa não suporta Mecão!demasia na primeira etapa, o técnico Francisco Diá sacou o meia Lenílson para a entrada do atacante Helinho. Na Lusa, Vágner
No intervalo, os dois treinadores decidiram fazer mudanças com a intenção de deixar seus times mais ofensivos. Recuado em Benazzi tirou o "falso zagueiro" Ygor para a entrada do meia Héverton.A princípio, as modificações não mudaram muita coisa, já que a Portuguesa seguiu pressionando, mas sem muito eficiência. Aos

dez minutos, entretanto, o América conseguiu encaixar um contra-ataque e liquidou a partida. O ala-esquerdo Berg rebateu uma bola e, mesmo sem querer, acabou lançando o atacante Lúcio, que só tocou na saída do goleiro.

Com dois gols de desvantagem, Benazzi escancarou de vez sua equipe. Ele tirou o ala-esquerdo Marco Aurélio e o atacante Fellype Gabriel, para as entradas do meia Fabrício e do atacante Kempes. Ele só não contava com a expulsão do zagueiro Bruno Rodrigo, quer levou o vermelho direto, após entrada dura no meia Juninho.Com um jogador a mais, o Mecão tomou conta da partida. A Lusa ainda tentou lutar para, pelo menos, chegar ao empate, mas se

abriu toda. Aos 35 minutos, os donos da casa amplairam. Após cruzamento da direita, do ala Thoni, Helinho deu um passe de calcanhar para Geovane desviar de cabeça. Aos 45, Berg ainda fechou a conta de falta.

Próximos JogosBragança Paulista. Enquanto isso, a Portuguesa joga contra o Guarani, no sábado (dia 31 de outubro), às 16h10, no Estádio Brinco
Na próxima terça-feira, às 21 horas, o América-RN já volta a campo para enfrentar o Bragantino, no Estádio Nabi Abi Chedid, em de Ouro, em Campinas.Ficha Técnica



América-RN 4 x 0 PortuguesaLocal: Estádio Machadão, em Natal – RN
Árbitro: Sandro Meira Ricci - DF
Renda: R$ 37.580,00
Público: 7.017 pagantes
Cartões Amarelos: Berg, Leandro Silva e Thoni (América); Marco Antônio, Ygor e Acleisson (Portuguesa)
Cartão Vermelho: Bruno Rodrigo (Portuguesa)
Gols: Júlio Terceiro aos 3'/1T, Lúcio aos 9'/2T, Geovane aos 35'/2T e Berg 45'/2T (América)



América-RN (Geovane).
Técnico: Francisco Diá.


Rodolpho; Leandro Silva, Edson Rocha e Jackson; Thoni (Wilton Goiano), Ricardo Oliveira, Júlio Terceiro, Lenílson (Helinho), Juninho e Berg; Lúcio Portuguesa Fellype Gabriel (Kempes) e Zé Carlos.
Técnico: Vágner Benazzi.
Muriel; Bruno Rodrigo, Ygor (Héverton) e Thiago Gomes; Simão, Acleisson, Preto, Marco Antônio e Marco Aurélio (Fabrício);