Mexicanos podem voltar à Libertadores e tirar vaga de times brasileiros

Enrique Bonilla, presidente-executivo da Liga MX, responsável pela organização do Campeonato Mexicano, foi quem comentou sobre o caso

por Agência Estado

Fora da Copa Libertadores desde 2016, os times mexicanos podem retornar ao torneio e isso tem chance de afetar diretamente o futebol brasileiro. Além de atingir grau de dificuldade do torneio, que aumentaria, a volta dos clubes do México também diminuiria o número de vaga para os times do Brasil e da Argentina na competição organizada pela Conmebol.

Enrique Bonilla, presidente-executivo da Liga MX, responsável pela organização do Campeonato Mexicano, foi quem comentou sobre a possibilidade.

"Tenho conversas abertas com o presidente Alejandro Domínguez", comentou o dirigente, referindo-se ao atual presidente da Conmebol.

Tigres esteve na Libertadores de 2015
Tigres esteve na Libertadores de 2015
AUSÊNCIAS
Os times mexicanos estão fora da Libertadores desde 2016. Caso eles voltem, a ideia seria que o país contasse com duas vagas, que hoje estão nas mãos do futebol brasileiro e argentino.

Os clubes do México nunca conquistaram a Libertadores, mas já fizeram boas campanhas. Em 2001, por exemplo, o Cruz Azul chegou na decisão e perdeu a final para o Boca Juniors. Em 2015, foi a vez do Tigres também ir até a final e parar diante do River Plate.