Após demissão, ídolo do Guarani explica que não queria deixar o clube

Fumagalli foi demitido junto do técnico Roberto Fonseca e mais dois membros do departamento de futebol

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 21 (AFI) – Após a demissão do Guarani, junto do técnico Roberto Fonseca e outros membros do departamento de futebol, Fumagalli usou as redes sociais para se pronunciar.

Além de Fumagalli e Roberto Fonseca, o Guarani também não conta mais com os trabalhos do executivo de futebol Marcus Vinícius Beck e do coordenador de futebol Gabriel Remédio.

Ídolo da torcida, o ex-jogador fez questão de ressaltar que não tinha a intenção de deixar o clube neste momento e gostaria de ter seguido no cargo.

Confira a nota na íntegra:

É com muita tristeza que, por meio desta nota, venho anunciar meu desligamento do quadro de funcionários do Guarani Futebol Clube. Após reunião, nesta quarta-feira, a diretoria optou pela rescisão contratual e término do vínculo existente entre nós.

Gostaria de, inicialmente, agradecer por todos momentos vividos dentro do Guarani nesse período após minha aposentadoria como jogador de futebol. Momentos de muita dificuldade, mas com muito aprendizado.

Ao longo de minha carreira, fiquei marcado por minha liderança dentro de campo. No Guarani não foi diferente. Foram mais de seis anos como capitão da equipe. Digo isso para esclarecer que, em nenhum momento, tive a real intenção de abandonar o clube nesta situação. Tenho ciência da minha responsabilidade no atual momento, mas tenho plena confiança nos atletas e na comissão técnica para reverter esse quadro.

Tenho plena convicção também de que fiz tudo aquilo que estava ao meu alcance e o que julguei melhor para o Guarani neste momento que tive trabalhando fora das quatro linhas. O Guarani é um clube que vou levar pro resto da minha vida dentro do meu coração. O carinho da torcida, todos os momentos ficarão pra sempre guardados em minha memória.

Não faz parte do meu caráter aceitar a derrota e se esconder, por isso, escrevo esta nota para deixa-los cientes que minha intenção nunca foi abandonar o clube que amo neste momento, mas minha saída for para ajudar, tenham certeza que saio com a cabeça tranquila de que fiz tudo que estava ao meu alcance

Na vitória ou na derrota, hoje e sempre Guarani.

José Fernando Fumagalli

Espaço incorporado por HTML (embed)