Independente-COL 1 x 1 Corinthians - Dentinho salva o Timão!

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 10 (AFI) - O Corinthians sofreu, mas conseguiu arrancar um empate por 1 a 1 diante do Independiente de Medellin na noite desta quarta-feira, em Bogotá. O jogo foi válido pela segunda rodada do Grupo 1 da Libertadores, e o resultado de igualdade ficou de bom tamanho para o Timão, que poderia ter saído derrotado caso o time colombiano tivesse aproveitado melhor suas chances.

Veja também:
Finalmente! Câmara de SP aprova projeto para mudar hora de jogos


Com o resultado, o Corinthians assume a primeira colocação do grupo, somando quatro pontos. Já o Independiente chegou a dois pontos e é o terceiro colocado, dois pontos atrás do Racing-URU, que bateu o Cerro Porteño por 2 a 1 na última terça-feira.

Jogo truncado
Na primeira etapa, o confronto foi equilibrado e as duas equipes criaram poucas chances de gol. Com o jogo embolado no meio de campo, a opção no princípio da partida era tentar chutes de longa distância. A primeira chance de gol do Timão só surgiu aos 26 minutos, com Elias.

Após receber passe de Ronaldo, o meia do Corinthians invadiu a área e chutou firme, mas o goleiro Bobadilla estava atento e fez bela defesa com o pé. Precisando do resultado positivo, o time colombiano esboçou uma pressão, mas só conseguiu criar nos momentos finais da primeira etapa. Aos 38 minutos, Pardo recebeu passe na área, driblou Chicão e William e chutou em cima de Felipe, que já estava caído no chão, para a sorte do time alvinegro.

O Corinthians ainda teve outra chance, em cobrança de falta de Roberto Carlos. O lateral acertou um tirombaço do meio-campo e a bola foi forte no canto direito de Bobadilla, que espalmou para escanteio. E no primeiro tempo, empate por 0 a 0 com muitas faltas e pouco futebol.

Timão sofre, mas Dentinho salva
No segundo tempo, o jogo ganhou em emoção e rapidez, quando as duas equipes resolveram jogar um futebol mais dinâmico no gramado do El Campín. Muita da velocidade do Corinthians em campo se deu pela entrada de Dentinho no lugar de Danilo, ainda com ritmo de jogo a desejar. Quem não jogava bem era Ronaldo, apagado no jogo.

O principal atacante do Timão jogou outra partida fraca e pouco produziu antes de ser substituído. Assim, o Fenômeno continua sem marcar em Taças Libertadores. Se Ronaldo não pegava na bola, Jorge Henrique estava bem disposto como sempre, e aos 26, quase marcou. O jogador fez bela jogada individual pela esquerda e arriscou um chute rasante para o gol, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora.

Um minuto depois, veio a resposta do Independiente. Restrepo, jogador da seleção da Colômbia, arrancou pelo meio e arriscou da entrada da área. A bola quicou e quase enganou Felipe, que se esticou todo e conseguiu espalmar para escanteio. A essa altura, a partida já pegava fogo, mas o Corinthians sofreu um duro golpe.

Aos 31 minutos, Valencia cruzou da esquerda e Chicão falhou no corte. Na sobra, Valoyes tocou na saída do goleiro Felipe e botou o time colombiano na frente. Aos 36, o mesmo Valoyes fez um salseiro na zaga do Timão e chutou na saída de Felipe, que desta vez defendeu. O próprio Valoyes ficou com o rebote e cruzou para Moreno, que sozinho, errou o gol. Precisando do resultado positivo, o Corinthians sofria com o rápido ataque do Independiente e não conseguia criar.

São Dentinho
Quando tudo parecia perdido, mais uma vez Dentinho veio ao resgate do alvinegro. Aos 39, o talismã corintiano arriscou de fora da área e acertou o ângulo de Bobadilla, que nada pode fazer para evitar o gol de empate do Corinthians.

Satisfeito com o empate, o time da capital paulista quase tomou o gol da virada aos 46 minutos, quando o endiabrado Valoyes fez boa jogada pela direita e cruzou para Moreno, que não alcançou, quase na pequena área. Chicão cortou a bola e instantes depois, a partida estaria acabada. O empate ficou de bom tamanho para o Corinthians, que sentiu a altitude nos momentos finais do jogo, mas segurou a onda.

Ficha técnica

Independiente de Medellin-COL 1 x 1 Corinthians
Local: Estádio El Campin, em Bogotá-COL
Árbitro: Sérgio Pezzota - ARG
Cartões Amarelos: Ortíz (Independiente); Jucilei e Jorge Henrique (Corinthians).
Gols: Valoyes aos 31'/2T (Independiente); Dentinho aos 39'/2T (Corinthians).

Independiente de Medellin
Bobadilla; Calle, Anselmo, Jiménez e Valencia; Ortíz, Restrepo, Arias e Barahona (Valoyes); Giménez (Moreno) e Pardo (Rivas).
Técnico: Leonel Álvarez

Corinthians
Felipe; Jucilei, Chicão, William e Roberto Carlos; Ralf, Elias, Marcelo Mattos (Morais) e Danilo (Dentinho); Jorge Henrique e Ronaldo (Souza).
Técnico: Mano Menezes