Inglaterra x EUA - Reecontro em Copas após sessenta anos

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 11 (AFI) - Inglaterra e Estados Unidos darão a largada em suas campanhas nesta Copa do Mundo ao se enfrentarem às 15h30 deste sábado, no Estádio Royal Bafokeng, em Rustemburgo, pelo Grupo C.

Veja também:
África do Sul 1 x 1 México - As vuvuzelas quase vencem o jogo

Se depender do retrospecto entre os adversários, a Inglaterra leva vantagem. Ao todo, as duas seleções se enfrentaram em nove oportunidades, com sete vitórias para os ingleses e duas para os americanos. Em Copas do Mundo, porém, foi só um jogo, com vitória dos EUA.

Na ocasião, um gol de Gaetjens decretou a vitória dos americanos por 1 a 0, em 1950, na Copa do Mundo do Brasil. O duelo foi realizado no Estádio Independência, em Belo Horizonte. Assim, o jogo deste sábado marca o reecontro das seleções em um Mundial após sessenta anos.

A partida vem sendo apimentada com declarações dos jogadores estado-unidenses, que vem provocando o principal jogador inglês, o atacante Wayne Rooney. De acordo com os americanos, o principal plano de jogo dos EUA será desestabilizar Rooney, que tem apresentado problemas de temperamento nos últimos amistosos.

Zebras?
Sempre considerada uma zebra, a seleção americana de Bob Bradley tem conquistado bons resultados nos últimos anos. Após se classificar sem maiores problemas para o Mundial, os EUA fizeram bonito na Copa das Confederações, eliminando a Espanha nas semifinais e perdendo por 3 a 2 de virada para o Brasil na final, em um duelo épico.

A forma nos amistosos também não deixa a desejar. Apesar de uma derrota por 4 a 2 diante da República Tcheca em solo americano, a seleção se reabilitou com duas vitórias, por 2 a 1 sobre a Turquia e 3 a 1 sobre a Austrália. A grande esperança do selecionado é o meia-atacante Landon Donovan, principal estrela do time. Além dele, o centroavante Jozy Altidore costuma deixar sua marca.

No meio-de-campo, Michael Bradley, filho do treinador, é um dos destaques, aliando seu jogo físico com um bom passe e segurança nos desarmes.

Time desfalcado
A Inglaterra, campeã mundial em 1966, entra em campo com alguns desfalques. Um deles é o zagueiro e ex-capitão Rio Ferdinand, que foi cortado por lesionar o joelho na semana passada. No meio-de-campo, o volante Gareth Barry também tem problemas de contusão, e apesar de não ter sido cortado, é desfalque certo para o duelo deste sábado.

Com a ausência de Rio Ferdinand, o zagueiro Jamie Carragher disputa posição no time titular com Ledley King, enquanto que Carrick, pelo menos em um primeiro momento, deve ser o escolhido pelo técnico Fabio Capello para substituir Barry.

O craque do time é Wayne Rooney, que será municiado por nomes como Frank Lampard e Steven Gerrard. O último, inclusive é o novo capitão do selecionado inglês, já que Terry perdeu a faixa devido à um escândalo sexual e Ferdinand foi cortado.

Ficha técnica

Inglaterra x Estados Unidos
Local: Estádio Royal Bafokeng, em Rustemburgo
Data: 12/06/2010
Horário: 15h30 (de brasília)
Árbitro: Carlos Eugênio Simon (BRA)

Inglaterra
James; Glen Johnson, King (Carragher), Terry e Ashley Cole; Carrick, Gerrard, Lampard e Joe Cole; Rooney e Crouch.
Técnico: Fabio Capello

Estados Unidos
Howard; Spector, Onyewu, DeMerit e Bocanegra; Bradley, Clark, Dempsey e Donovan; Johnson e Altidore.
Técnico: Bob Bradley

Siga o Futebol Interior também pelo Twitter!