Cruzeiro x Corinthians - Timão quer viver realidade alternativa na Copa do Brasil

Se aproximando da zona de rebaixamento no Brasileirão, time alvinegro acredita que conquista pode salvar o ano

por Agência Futebol Interior

Belo Horizonte, MG, 09 (AFI) - Uma derrota por 3 a 0 para o Flamengo, uma sequência de três jogos sem vitórias no Brasileirão e uma distância de cinco pontos da zona de rebaixamento. O Corinthians vai fechar a cortina para esse cenário preocupante em busca da declarada missão de ‘salvar o ano’ com o título da Copa do Brasil. O primeiro episódio da realidade alternativa corintiana acontece às 21h45 desta quarta-feira, no Mineirão, no primeiro jogo da final contra o Cruzeiro.

A situação da Raposa no Brasileirão também não é das melhores, uma vez que está apenas dois pontos acima do Timão, com 37. Por isso, de certo modo, o modo como os cruzeirenses veem a final é parecido com o olhar alvinegro. Outro fator negativo é o fato de não terem vencido em casa na Copa do Brasil, com ois empates e uma derrota no Mineirão,

O duelo vai marcar o encontro de dois técnicos com experiênciabem diferentes em competições mata-mata. Jair Ventura, do Corinthians, vai disputar sua primeira final e já avisou que vai ser difícil segurar a ansiedade. Do outro lado, Mano Menezes é o atual campeão da Copa do Brasil, levantando a taça com o próprio Cruzeiro no ano passado, além de ter conquistado o torneio também em 2009, pelo Corinthians. Ainda pelo time paulista, ele foi vice-campeão, em 2008.

Nas semifinais, o Corinthians segurou um empate sem gols com o Flamengo, no Maracanã, e venceu por 2 a 1 na Arena. O Cruzeiro, por sua vez, venceu o Palmeiras por 1 a 0 no Allianz Parque e depois empatou por 1 a 1 no Mineirão.

NOVA POSTURA
Nas fases anteriores, o Cruzeiro teve a oportunidade de definir os confrontos em seu estádio. Por isso, a equipe acabou fazendo o placar sempre na casa do adversário. Venceu o Atlético-PR, o Santos e o Palmeiras fora. E depois administrou a vantagem. Agora, terá que ter postura diferente, pois as finais inverteram essa ordem.

Foto: Bruno Haddad / Cruzeiro
Foto: Bruno Haddad / Cruzeiro
"Temos consciência que jogar em São Paulo contra o Corinthians é sempre difícil. Espero que possamos dentro desse primeiro jogo fazer por onde e conquistar um belo resultado. Porque lá vamos ser muito mais exigidos", analisou o goleiro Fábio.

O técnico Mano Menezes comandou um treino fechado nesta terça-feira e fez mistério. É certo que Arrascaeta está fora, já que foi convocado pela seleção uruguaio para a disputa de amistosos. Mesmo em má fase, é provável que Barcos continue no time titular. Com Sassá suspenso por soco deferido no palmeirense Mayker, as opções no caso de uma mudanças no ataque seriam Raniel ou Fred.

RETORNO NA LATERAL E ATAQUE MANTIDO
O técnico Jair Ventura confirmou, no treino desta terça-feira, a formação do Corinthians que entrará em campo. A boa notícia é o retorno do lateral-direito Fagner.O jogador, que ficou de fora dos dois últimos jogos por causa de um problema na coxa esquerda, demonstrou estar recuperado e trabalhou normalmente entre os titulares na atividade realizada no CT do Coimbra, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Fagner, no entanto, não deve suportar os 90 minutos. Para o seu lugar, o treinador testou o zagueiro Pedro Henrique e Mantuan, considerado o reserva imediato. Outra confirmação foi do quarteto ofensivo. Jair optou pela manutenção da equipe que vem atuando nas últimas partidas. Romero, Jadson, Mateus Vital e Clayson treinaram entre os titulares. O problema é que esses quatro meia-atacantes não vivem bom momento. Desde que o treinador assumiu, há sete jogos, o ataque fez apenas cinco gols.

Sob o comando de Jair, apenas Jadson marcou, na vitória sobre o Sport, por 2 a 1, há cinco partidas. Romero fez seu último gol há 17 jogos. Mateus Vital não marca desde maio e Clayson fez seu último gol em abril. Para o primeiro jogo da final, no entanto, a principal preocupação está em não ser vazado.

Ficha Técnica

Fase
Final
Rodada
1ª rodada
Data
10/10/2018
Horário
21h45
Local
Mineirão - Belo Horizonte (MG)
Árbitro
Anderson Daronco - RS

Renda
RS 4.169.226,50
Assistentes
Alessandro Alvaro Rocha de Matos - RS e Fabricio Vilarinho da Silva - RS

Público
46.308 pagantes (53.368 total)
Cartões Amarelos
Cruzeiro-MG: Henrique, Thiago Neves, Egídio
Corinthians-SP: Léo Santos, Araos

Cartões Vermelhos
Corinthians-SP: Araos
Gols
Cruzeiro-MG: Thiago Neves 46' 1T
Cruzeiro-MG
Fábio;
Edílson, Dedé, Léo e Egídio;
Ariel Cabral, Henrique, Robinho, Thiago Neves (David) e Rafinha (Rafael Sobis);
Barcos (Raniel).
Técnico: Mano Menezes
Corinthians-SP
Cássio;
Fagner, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar;
Gabriel, Ralf, Jadson (Emerson Sheik) e Mateus Vital (Araos);
Clayson (Pedrinho) e Romero.
Técnico: Jair Ventura
 
 
" />